Imoveis a Venda | Classificados | Super Galeria | Videos

REDAÇÃO (67)3272-6466

Marco Asa Ver Mais Artigos de Marco Asa



Voando Baixo – Volume 13

Tudo coisado – Depois de todo o clima armado para o depoimento de Lula para Moro, estou com aquela sensação do dia seguinte ao anunciado "dia que o mundo ia acabar", como na virada do ano 2000, das profecias de 2012 e tantos outros. Tanto barulho, tanto esforço, tantas horas de mídia por nada. Aliás, para uma coisa: subir o ibope do Lula.

Tudo coisado 2 – Aliás, o tempo dispensado com Lula na TV poderia ser gasto como, por exemplo, um debate amplo sobre as reformas trabalhistas e da previdência. O caso Lula parece estar sendo usado como pano de fundo pra esconder a votação das reformas e aplacar a ira da população, que vai SIM perder seus direitos.

Tudo coisado 3 – Falando em reforma trabalhista, por que Eduardo Cunha e André Puccinelli (ex-governador do Mato Grosso do Sul, do PMDB, envolvido em uma operação chamada "Lama") foram presos e o cara que está organizando a reforma da Previdência, dePUTAdo Carlos Marun está solto? Ele era do defensor ferrenho do Eduardo Cunha (chegaram a fazer charge dele como se fosse a "mulher" do Cunha") e praticamente foi "fabricado" pelo Puccinelli. Se Cunha e Puccinelli fizeram algo de errado, com certeza teve algo a ver com Marun. Só investigar direito. Ah, esqueci, estamos no Brasil.

Tudo coisado 4 – A coisa tá tão feia que o carro mais vendido do Brasil, o Chevrolet Onix, tirou ZERO na prova de segurança Latin NCap (que testa a segurança dos carros vendidos na América Latina e Caribe). O caso é tão grave que a instituição chegou a sugerir que o Onix será retirado de linha. Isso com o carro tendo airbag de série. Não dá pra confiar em nada mesmo.

Tudo coisado 5 – Um lance perigoso que estou notando é que as delações premiadas são direcionadas. Você prende os empresários, doleiros e marketeiros, os privam das coisas que mais gostam, dão a eles o direito da troca da liberdade por depoimentos que atinjam quem a justiça não isenta quer e, como prêmio, os mesmos saem livres, leves e soltos. Não! Se eles cometeram ilícitos, que continuem presos. As empreiteiras e outras empresas ilícitas devem ser FECHADAS! Os bens de todos os envolvidos devem ser BLOQUEADOS. Não existe meio grávida, assim como não existe meio bandido.

Por fim, tá difícil viver nesse Brasilzão de meu Deus. Mas, vamos lá...

  • Notícias
  • + Lidas







© Regiao News - Todos os Direitos Reservados.
contato@regiaonews.com.br
+ 55 67 3272 6466
Desenvolvido por:
MD-WEBMARKETING