Italiano Donato Sabia, finalista em prova que deu ouro olímpico a Joaquim Cruz, morre vítima da Covid-19

Ex-atleta tinha 56 anos e havia perdido o pai no final de março também por causa da doença

Final olímpica dos 800m em Los Angeles 1984, da qual Joaquim Cruz e Donato Sabia participaram - Foto: Arquivo

O meio-fundista italiano Donato Sabia, que participou de duas finais olímpicas dos 800m, morreu nesta terça-feira devido a complicações causadas pela Covid-19. O ex-atleta tinha 56 anos e vivia na cidade de Potenza, no sul na Itália. No final de março, Sabia havia perdido o pai pela mesma doença.

Sabia foi contemporâneo de Joaquim Cruz e participou das finais dos 800m em Los Angeles 1984 e em Seul 1988 - na primeira, o brasileiro foi medalhista de ouro e na segunda, de prata. Em 1984, o italiano ficou em quinto lugar; em 1988, foi o sétimo.

 
Seu maior feito no atletismo foi o ouro no Campeonato Europeu indoor em Gotemburgo, na Suécia, em 1984. Além disso, também foi seis vezes campeão nacional, seja nos 400m ou nos 800m.