Imoveis a Venda | Classificados | Super Galeria | Videos

REDAÇÃO (67)3272-6466

Noticia de: 13 de Março de 2017 - 16:47

Dólar fecha em alta, acima de R$ 3,15

Moeda dos EUA fecha em alta de 0,27%, a R$ 3,1522.






 

Dólar fechou acima de R$ 3,15 nesta segunda-feira (13) -
Foto: Reuters


 
 

O dólar fechou em alta ante o real nesta segunda-feira (13), voltando a ser negociada acima de R$ 3,15, com os investidores em compasso de espera pela decisão de política monetária nos Estados Unidos nesta semana, mas sem abandonar a cena política local.

A moeda americana avançou 0,27%, para R$ 3,1522, após ter fechado na sexta-feira (10) a R$ 3,1435. Veja a cotação

Na máxima do dia, o dólar bateu R$ 3,1614, segundo a Reuters.

O mercado segue monitorando pistas sobre o rumo dos juros nos Estados Unidos porque, com taxas mais altas, o país se tornaria mais atraente para investimentos aplicados atualmente em outros mercados, como o Brasil, motivando assim uma tendência de alta do dólar em relação ao real.

No entanto, segundo a Reuters, a cautela permeia as mesas de operação, que ainda carregam grande expectativa pela comunicação que o Fed trará na próxima quarta-feira e também de olho na cena política.

O Fed anuncia decisão de política monetária na quarta-feira, quando também informa projeções econômicas atualizadas. É dado como quase certo novo aperto monetário nos Estados Unidos nesta semana. As atenções se concentram nos sinais sobre os próximos passos do BC americano, que indicou nas estimativas anteriores total de três altas de juros em 2017.

Cenário local

Internamente, os investidores estiveram em compasso de espera para a lista que o procurador-geral da República, Rodrigo Janot, deve entregar nesta semana ao Supremo Tribunal Federal (STF) com pedidos de abertura de inquérito para investigar políticos com base nas 77 delações de executivos da Odebrecht.

Essa turbulência política aumentava o temor no mercado de que reformas consideradas essenciais para colocar o país em rota de crescimento novamente, como a da Previdência, possam ter problemas para aprovação no Congresso Nacional.

O Banco Central continuou fora do mercado de câmbio, sem anunciar qualquer tipo de intervenção para esta sessão. Ainda havia no mercado expectativa sobre o que o BC fará com os swaps tradicionais que vencem em abril, equivalente a US$ 9,711 bilhões, se fará alguma rolagem ou não.









G1


Reportar Erros



 


 
.
LOTERIAS

Mega-Sena deve pagar R$ 11,5 milhões neste sábado
BRASIL

Gás de botijão leva prévia da inflação oficial a 0,34% em outubro, diz IBGE
ECONOMIA

Impulsionada pelo Refis, arrecadação sobe 8,6% em setembro, para R$ 105 bilhões
VENDAS

Varejo deve crescer 1,4% em 2017
 
 
  • Notícias
  • + Lidas







© Regiao News - Todos os Direitos Reservados.
contato@regiaonews.com.br
+ 55 67 3272 6466
Desenvolvido por:
MD-WEBMARKETING