Imoveis a Venda | Classificados | Super Galeria | Videos

REDAÇÃO (67)3272-6466

Noticia de: 09 de Abril de 2017 - 20:03

Corinthians faz 1 a 0 no Botafogo-SP e avança às semis do Paulista

A estreia está marcada para o dia 13 de maio, contra o Bragantino, na casa do adversário.






 

Corinthians fez 1 a 0 com Rodriguinho e conseguiu a vaga na semifinal -
Foto: Sergio Barzaghi/Gazeta Press


 
 

O Corinthians não encheu os olhos do seu torcedor, mas passou sem grandes sustos por mais um duelo eliminatório. Diante do desafio de propor o jogo frente a um adversário defensivo, o Timão conseguiu furar o bloqueio do Botafogo-SP com um gol de cabeça do meia Rodriguinho, ainda no primeiro tempo, e manteve a vantagem até o apito final para assegurar uma vaga na semifinal do Campeonato Paulista.

Como venceu e chegou aos 28 pontos na tabela de classificação geral, o clube do Parque São Jorge já sabe que não enfrentará o Palmeiras na próxima fase do Estadual. Inicialmente segundo colocado, a equipe pode perder a posição caso a Ponte Preta goleie o Santos nesta segunda-feira, às 21h (de Brasília), no Pacaembu. Vitória da Macaca, por sinal, coloca os campineiros no caminho corintiano, enquanto empate ou triunfo santista programa um Majestoso para a semi.

A próxima partida dos comandados de Fábio Carille, porém, será pela Copa do Brasil, na quarta-feira, às 21h45 (de Brasília), abrindo o confronto da quarta fase do torneio contra o Internacional, no Beira-Rio. O Botinha, por sua vez, passa a se preparar para a disputa do Campeonato Brasileiro da Série C. A estreia está marcada para o dia 13 de maio, contra o Bragantino, na casa do adversário.

Corinthians cria e perde chances, mas abre vantagem

O Corinthians entrou em campo determinado a mostrar uma força criativa maior do que a demonstrada até o momento na temporada, acreditando justamente na força máxima de seu elenco para atingir esse feito. O otimismo quase teve um efeito recorde aos 30 segundos de bola rolando, quando a zaga afastou para trás um cruzamento de Fagner e Jô ficou livre para bater, mas Neneca conseguiu abafar a jogada.

Pouco depois, a movimentação ofensiva corintiana voltou a dar resultado. Em lance que começou com Gabriel e chegou ao meia Jadson, aberto pelo lado direito, o camisa 77 deu belo lançamento para Rodriguinho. O armador viu Gualberto falhar na hora de dividir a jogada e saiu cara a cara com o goleiro adversário. Rodriguinho, porém, tentou dar um chapéu em Neneca, pegou de canela na bola e desperdiçou ótima chance de abrir o placar.

Já ambientado à casa corintiana e passado os sustos, o Botinha resolveu jogar com mais calma e ao menos tentar ficar com a bola em seus pés. Apostando sempre nas investidas de Francis pelo lado direito, o time de Ribeirão Preto chegou a criar uma oportunidade de gol aos 23 minutos. O atacante tabelou com o lateral direito Samuel Santos, que levantou a bola na área. Atrás da marca do pênalti, Marcão cabeceou e mandou no ângulo, exigindo grande defesa de Cássio.

O lance animou o time do interior, que subiu sua marcação e parecia dar trabalho ao Timão, mas foi aí que o Alvinegro viu a brecha para abrir o placar, aos 38 minutos. Apertado na defesa, Guilherme Arana tabelou com Romero, que devolveu de letra. Ele ganhou da marcação passou ao ataque e tocou para Maycon, que inverteu a jogada para Jadson. Próximo à lateral direita, o armador cruzou e achou justamente Rodriguinho, até então muito mal no jogo, que cabeceou no canto de Neneca e enlouqueceu a Fiel em Itaquera.

Timão não resolve, mas passa de fase

O segundo tempo parecia reservar um duelo mais aberto, com o Botinha precisando de ao menos um gol para levar a decisão para os pênaltis. O time do interior, porém, não se lançou ao ataque, preferindo apenas adiantar um pouco a sua marcação para dificultar a posse de bola corintiana. Do outro lado, o Timão manteve a estratégia de rodar a bola até Jadson, sempre responsável pelo passe ou cruzamento final.

A primeira chance de gol, logicamente, surgiu dos pés do camisa 77, mas em bola parada. Pela direita, o armador cruzou na segunda trave para Jô, que subiu mais alto do que a defesa e cabeceou. A finalização, porém, saiu fraca, nas mãos do goleiro Neneca. Na resposta, sempre aproveitando a boa presença ofensiva do centroavante Marcão, os visitantes quase empataram em cabeçada do atacante que passou rente à trave.

Preocupado com a vantagem mínima, Fábio Carille resolveu renovar a sua força ofensiva com os atacantes Clayton e Marquinhos Gabriel, mas optou por não sacar Jadson da partida. Os escolhidos foram o paraguaio Romero, dono de boa atuação, e Rodriguinho, que claramente já não aguentava mais o ritmo da partida. Os botafoguenses também apostaram nisso, com Wesley, Kauê e Bernardo.

Sem muita criatividade, o Fogo tentou em alguns contra-ataques, mas não conseguiu chegar em condição de finalizar. Restou ao Corinthians aproveitar os espaços, principalmente pelo lado esquerdo do ataque. Nas melhores chances, no entanto, Clayton e Pedrinho se precipitaram na hora de tentar acionar o centroavante Jô, sempre esticando um pouco mais do que o necessário. Ao final, a vantagem mínima fez o que era necessário.

FICHA TÉCNICA
CORINTHIANS 1 X 0 BOTAFOGO-SP

Local: estádio de Itaquera, em São Paulo (SP)
Data: 9 de abril de 2017, domingo
Horário: 16h (de Brasília)
Árbitro: Marcelo Aparecido Ribeiro de Souza
Assistentes: Tatiane Sacilotti dos Santos Camargo e Luiz Alberto Andrini Nogueira
Público: 33.491 pagantes
Renda: R$ 1.681.481,10
Cartões amarelos: Rodriguinho (Corinthians); Fernandinho, Samuel Santos, Gualberto e Marcão Silva (Botafogo-SP)
Gols:
CORINTHIANS: Rodriguinho, aos 38 minutos do primeiro tempo

CORINTHIANS: Cássio; Fagner, Balbuena, Pablo e Guilherme Arana; Gabriel, Maycon, Jadson (Pedrinho), Rodriguinho (Marquinhos Gabriel) e Romero (Clayton); Jô
Técnico: Fábio Carille

BOTAFOGO-SP: Neneca; Samuel Santos, Matheus Mancini, Gualberto e Fernandinho (Kauê); Bileu, Marcão Silva, Diego Pituca e Rafael Bastos (Bernardo); Francis (Wesley) e Marcão
Técnico: Moacir Júnior








Gazeta Esportiva


Reportar Erros



 


 
.
FUTEBOL

Oitavas de final da Copa do Brasil ficam sem clássicos estaduais em sorteio
FUTEBOL

Dracena defende folga de dois dias do Verdão após derrota em Campinas
FUTEBOL

Orgulhoso, Mano ressalta desgaste físico do Cruzeiro: ‘Não posso exigir uma ...
FÓRMULA 1

No Bahrein, Bottas desbanca Hamilton e anota a primeira pole da carreira
 
 
  • Notícias
  • + Lidas







© Regiao News - Todos os Direitos Reservados.
contato@regiaonews.com.br
+ 55 67 3272 6466
Desenvolvido por:
MD-WEBMARKETING