Imoveis a Venda | Classificados | Super Galeria | Videos

REDAÇÃO (67)3272-6466

Noticia de: 15 de Abril de 2017 - 10:27

História em jogo: Demetrious busca recorde no UFC contra Wilson Reis

Se vencer brasileiro, "Mighty Mouse" vai igualar marca de defesas consecutivas de título, pertencente a Anderson Silva. Jacaré faz luta decisiva contra Robert Whittaker






 

Demetrious Johnson x Wilson Reis é a luta principal do UFC Kansas City
Foto: Getty Images


 
 

Anote esta data com bastante atenção: 15 de abril de 2017. Este sábado vai ficar na história do MMA, independentemente do resultado da luta principal do "UFC: Johnson x Reis", que acontece no Sprint Center de Kansas City - o Combate transmite ao vivo e com exclusividade a partir de 16h50 (horário de Brasília), e o Combate.com acompanha em Tempo Real, com vídeo ao vivo das duas primeiras lutas. Se der a lógica, o campeão dos pesos-moscas, Demetrious Johnson, vai igualar o recorde de defesas bem-sucedidas consecutivas de cinturão do Ultimate, pertencente a Anderson Silva, com 10. Uma vitória de seu adversário, o brasileiro Wilson Reis, será uma das maiores, senão a maior, "zebras" de todos os tempos no esporte.

As casas de apostas online dão probabilidades de até -900 (o que significa que é preciso apostar US$ 900 para receber um lucro de US$ 100) num triunfo de Johnson, contra +660 (uma aposta de US$ 100 retorna um lucro de US$ 660) para vitória de Reis. Já houve vencedores com probabilidades piores no UFC - Matt Serra, por exemplo, considerado por muitos a maior zebra da história, tinha +700 de probabilidades quando derrotou Georges St-Pierre, que por sua vez era favorito por -1000. Contudo, levando em conta a extensão do reinado de Demetrious - 1.665 dias, cerca de quatro anos e seis meses, e nove lutas - e o domínio exibido por ele no período, raramente ameaçado, fica muito difícil apostar contra "Mighty Mouse".

Contudo, Wilson Reis está acostumado a estar contra as probabilidades. O lutador mineiro não tinha condições de pagar nem pelo transporte para os treinos de jiu-jítsu durante a juventude em São Paulo, mas sempre "dava um jeito" de comparecer. Morou de favor, sobreviveu a tiroteios nas imediações de sua casa, se mudou para os EUA sem falar inglês e sem dinheiro no bolso, mas, com determinação, conquistou cidadania americana e se estabeleceu como lutador de MMA. Estava ofuscado na divisão dos moscas após uma derrota para Jussier Formiga em 2015, mas venceu suas três lutas seguintes para conquistar uma oportunidade de disputar o cinturão. Agora, Reis quer cercar Johnson para não deixar o cinturão escapar e se tornar o primeiro brasileiro campeão peso-mosca.

- Estou preparado para A, B e C nas estratégias. O mais importante no Demetrious é que ele já chega dominando o octógono, então eu não vou deixar ele fazer isso, já vou chegar pressionando. Vai ser uma luta bem ativa. Para ganhar de um cara como o Demetrious Johnson, tem que ir para cima mesmo, nocautear ou finalizar. Não vou ficar esperando contragolpe, vou partir para dentro, já dominando o octógono de cara. Vou pressionar até achar o momento certo de botar a luta para baixo e desenvolver a luta no chão. A luta também pode ser desenvolvida em cima, no wrestling. Eu estou preparado para tudo, mas quero controlar as ações da luta o tempo todo, não deixando ele controlar - disse Wilson, em entrevista ao Revista Combate.

Ciente que o desafiante o estudou extensivamente para o confronto, Demetrious Johnson fez mudanças em seus treinos, e voltou aos básicos das artes marciais, numa tentativa de se renovar e surpreender o adversário.

- Nós temos novas receitas que estamos sempre tentando testar e ver como funciona. Quando um chef abre um restaurante e está servindo os mesmos pratos por muito tempo, ele inventa algo novo e criativo, garantindo que seu restaurante esteja sempre evoluindo e não apenas mantendo o ritmo. Então tentar ser o lutador perfeito sempre vai envolver evolução. Posso tirar algumas coisas do cardápio desta vez, mas trazer alguns pratos diferentes de volta da próxima vez - explicou o campeão.

DE CONTRATO NOVO, JACARÉ TEM MISSÃO DECISIVA

Antes da luta histórica, Kansas City vai sediar um dos melhores cards do UFC em 2017. A porção preliminar tem uma série de lutadores ranqueados no Top 15 de suas categorias, como o peso-galo Aljamain Sterling (adversário do brasileiro Augusto Tanquinho), os pesos-moscas Louis Smolka e Tim Elliott e a peso-galo Ashlee Evans-Smith (adversária da brasileira Ketlen Vieira), além de atletas de nome no evento como o peso-leve Bobby Green e o peso-pesado Roy Nelson.

O card principal abre com um confronto explosivo no peso-pena, entre o nocauteador americano Jeremy Stephens e o brasileiro invicto Renato Moicano. O coevento principal é uma eliminatória para disputa do cinturão no peso-palha, entre Rose Namajunas, quarta colocada do ranking, e Michelle Waterson, sexto lugar. Para os brasileiros, a luta mais interessante, no entanto, é a do peso-médio capixaba Ronaldo Jacaré. Ocupando o terceiro posto na classificação da categoria, o atleta de 37 anos tem pela frente o neozelandês Robert Whittaker, sexto do ranking e atualmente numa sequência de seis vitórias consecutivas. O brasileiro, que renovou contrato com o UFC por oito lutas na sexta-feira, precisa do triunfo para seguir bem colocado na fila para disputar o título.

Confira o card completo:

UFC Kansas City
15 de abril, em Kansas City (EUA)
CARD PRINCIPAL (a partir de 21h, horário de Brasília):
Peso-mosca: Demetrious Johnson x Wilson Reis
Peso-palha: Rose Namajunas x Michelle Waterson
Peso-médio: Ronaldo Jacaré x Robert Whittaker
Peso-pena: Jeremy Stephens x Renato Moicano
CARD PRELIMINAR (a partir de 17h, horário de Brasília):
Peso-pesado: Alexander Volkov x Roy Nelson
Peso-galo: Patrick Williams x Tom Duquesnoy
Peso-leve: Bobby Green x Rashid Magomedov
Peso-mosca: Louis Smolka x Tim Elliott
Peso-meio-pesado: Devin Clark x Jake Collier
Peso-médio: Anthony Smith x Andrew Sanchez
Peso-galo: Aljamain Sterling x Augusto Tanquinho
Peso-meio-médio: Zak Cummings x Nathan Coy
Peso-galo: Ashlee-Evans Smith x Ketlen Vieira











Combate.com


Reportar Erros



 


 
.
FUTEBOL

Oliveira despista sobre renovação no Santos, mas nega aposentadoria
MATO GROSSO DO SUL

Mato Grosso do Sul acerta detalhes para receber o Rally dos Sertões
FÓRMULA 1

Vettel bate recorde da pista de Mônaco em sessão marcada por acidente de Stroll
FUTEBOL

Conversas avançam, e Inter acerta empréstimo de Valdívia ao Atlético-MG
 
 
  • Notícias
  • + Lidas







© Regiao News - Todos os Direitos Reservados.
contato@regiaonews.com.br
+ 55 67 3272 6466
Desenvolvido por:
MD-WEBMARKETING