Imoveis a Venda | Classificados | Super Galeria | Videos

REDAÇÃO (67)3272-6466

Noticia de: 20 de Abril de 2017 - 15:49

Eleitores têm até o dia 2 de maio para justificar pendências na Justiça Eleitoral

O cancelamento automático do título de eleitor ocorrerá de 17 a 19 de maio de 2017.






 

Eleitores têm até o dia 2 de maio para justificar pendências na Justiça Eleitoral -
Foto: Divulgação


 
 

O prazo para o eleitor regularizar a situação junto à Justiça Eleitoral é dia 2 de maio. A medida vale para aqueles que deixaram de votar e não justificaram a ausência nas últimas três eleições ou, quem ainda não pagou a multa. Encerrado o prazo, os eleitores que estiverem irregulares podem ter o título cancelado. O cancelamento automático do título de eleitor ocorrerá de 17 a 19 de maio de 2017.

Mais de um milhão de eleitores estão com títulos nessa situação. Para possibilitar a regularização, o eleitor deve apresentar documento oficial com foto, comprovante de residência e, se possuir, título eleitoral e os comprovantes de votação, de justificativa ou de quitação de multa.

Destaca-se que cada turno de votação é considerado um pleito em separado para efeito de cancelamento de título. Para saber a situação perante a Justiça Eleitoral, o eleitor pode fazer consulta no Portal do TSE ou no site do Tribunal Regional Eleitoral (TRE) do estado, na aba Eleitor, link “Consulta por nome”. O cidadão pode optar, ainda, por ir ao cartório eleitoral e solicitar essa informação.

Eleitores com voto facultativo – analfabetos, eleitores de 16 a 18 anos incompletos e maiores de 70 anos ou com deficiência previamente informada à Justiça Eleitoral – não necessitam comparecer ao cartório para regularizar a sua situação.









Assomasul/TSE


Reportar Erros



 


 
.
POLITICA

Governo trabalha para votar Previdência em fevereiro, diz Dyogo Oliveira
SIDROLÂNDIA - MS

Em 12 meses de gestão Marcelo, entulhos e lixo se espalham pelos bairros
POLITICA

23 senadores investigados na Lava Jato ficam sem foro privilegiado se não se ...
POLITICA

Advogados recorrem ao STF contra decisão que permitiu posse de Cristiane Brasil
 
 
  • Notícias
  • + Lidas







© Regiao News - Todos os Direitos Reservados.
contato@regiaonews.com.br
+ 55 67 3272 6466
Desenvolvido por:
MD-WEBMARKETING