Imoveis a Venda | Classificados | Super Galeria | Videos

REDAÇÃO (67)3272-6466

Noticia de: 17 de Maio de 2017 - 10:39

Criação de empresas bate recorde em janeiro no país

A criação de empresas de outras naturezas teve alta de 29,5%, com 9.001 nascimentos em janeiro de 2017.






 

No primeiro mês de 2017 foram criadas 194.199 empresas no país, o maior número para o período desde 2010. O resultado é 16,6% superior se comparado ao mesmo mês de 2016, quando 166.613 pessoas jurídicas foram abertas. Em relação a dezembro de 2016 (120.633), o aumento foi de 61%. Os dados divulgados hoje (17) são do Indicador Serasa Experian de Nascimento de Empresas.

“O empreendedorismo de necessidade segue pautando a criação de novas empresas no país. Com o desemprego elevado, pessoas que estão perdendo vagas no mercado de trabalho buscam novas fontes de renda através da abertura de novos negócios”, destacou, em nota, a Serasa.

O tipo de empresa com maior número de "nascimentos" em janeiro foi a microempresa individual (MEI), que totalizou 159.522 aberturas, um aumento de 16,2% sobre o mesmo mês de 2016. As sociedades limitadas registraram criação de 12.760 unidades (+8,6%). A criação de empresas individuais cresceu 21,7%, com um total de 12.916 novos negócios em 2017. A criação de empresas de outras naturezas teve alta de 29,5%, com 9.001 nascimentos em janeiro de 2017.

“A crescente formalização dos negócios no Brasil é responsável pelo aumento constante das MEIs, registrado desde o início da série histórica do indicador. Em sete anos, passaram de menos da metade dos novos empreendimentos (25,5%, em janeiro de 2010) para 82,1% no último levantamento”, informou a Serasa.

O setor de serviços ainda é o mais procurado por quem quer empreender: em janeiro de 2017, 124.340 novas empresas surgiram neste segmento, o equivalente a 64% do total. Em seguida, 53.580 empresas comerciais (27,6%). No setor industrial, foram abertas 15.837 empresas (8,2%).

Segundo a Serasa Experian, nos últimos sete anos, o crescimento na participação das empresas de serviços no total de empresas que nascem no país tem sido constante: passando de 53,2%, em janeiro de 2010, para 64%, em janeiro de 2017. Já a participação do setor comercial de empresas que surgem no país tem recuado: de 353%, em janeiro de 2010, para 27,6% em janeiro de 2017. A participação das novas empresas industriais se mantém estável.

Regiões

O Sudeste segue liderando o ranking de nascimento de empresas, com 98.804 novos negócios abertos em janeiro de 2017 ou 50,9% do total. A região Nordeste vem em segundo lugar, com 18,3% (35.560), seguida da região Sul (16,4%), Centro-Oeste (9,3%), Norte (5,2%) do total de empreendimentos inaugurados.









Agência Brasil


Reportar Erros



 


 
.
EXPORTACÃO

Exportações do setor agropecuário crescem mais de 150% em um ano
INFLAÇÃO

Inflação do país nos últimos 11 anos pesou mais no bolso do pobre, diz Ipea
BRASIL

Em 2015, PIB caiu em todos os estados pela primeira vez
COMBUSTÍVEIS

Petrobras reduz amanhã preços da gasolina e diesel nas refinarias
 
 
  • Notícias
  • + Lidas

1

Governo fará leilão de 126 lotes de veículos com lances a partir de R$ 300,00

Leia mais


2

Horário especial do comércio depende de convenção coletiva que ainda não foi fechada

Leia mais


3

Polícia Militar apreende caminhão furtado em MT carregado com cigarro contrabandeado

Leia mais


4

Em Sidrolândia ,1.563 candidatos fazem domingo provas do Encceja

Leia mais


5

Implantação de terceira vara da Comarca de Sidrolândia é adiada para 2018

Leia mais








© Regiao News - Todos os Direitos Reservados.
contato@regiaonews.com.br
+ 55 67 3272 6466
Desenvolvido por:
MD-WEBMARKETING