Imoveis a Venda | Classificados | Super Galeria | Videos

REDAÇÃO (67)3272-6466

Noticia de: 10 de Outubro de 2017 - 10:29

Estado vai usar recurso de fundo da indústria para abrir avenida de 5 km para acesso a frigorifico

Inicialmente, a avenida (projetada para duas pistas) será aberta com uma pista de 12 metros, não será pavimentada, recebendo um revestimento primário.






 

Reunião com o prefeito Marcelo Ascoli, intermediada pelo diretor da Agraer, Enelvo Felini com o secretário, Jaime Verruck -
Foto: Reprodução/Facebook


 
Até o final do mês a empreiteira MS-Pavimentação deve trazer os equipamentos que utilizará nas obras de duplicação do trecho de um quilômetro da MS-162"
 


Provavelmente dentro de três semanas a MS-Pavimentação, empreiteira, contratada pela Agesul para duplicação da MS-162, começa a abrir a área de acesso ao Frigorífico Balbino, numa extensão de cinco quilômetros, a partir da MS-162 e termina no Jardim Paraiso, no pátio de acesso à indústria. Inicialmente, a avenida (projetada para duas pistas) será aberta com uma pista de 12 metros, não será pavimentada, recebendo um revestimento primário.

Nesta segunda-feira (10) numa reunião com o prefeito Marcelo Ascoli, intermediada pelo diretor-geral da Agraer, Enelvo Felini, o secretário de Meio Ambiente, Desenvolvimento Econômico,Jaime Verruck, definiu a destinação de R$ 450 mil do Fundo de Desenvolvimento Industrial, para financiar a implantação da avenida, que em 2014, chegou a ter um trecho aberto pela Prefeitura que interrompeu o serviço por que dependia de licenciamento ambiental para implantar uma travessia sob uma nascente existente no local.

Como o licenciamento não foi dado, nem o município tinha recursos para fazer a travessia (provavelmente com tubulação), o serviço foi interrompido neste ponto. Para evitar problemas de invasão, o traçado aberto voltou a ser aproveitado como área de lavoura pelos antigos proprietários dos 8 hectares cortados pela avenida.

Diante da proximidade de funcionamento do frigorífico (prevista para dezembro), a urgência da abertura desta avenida se impôs porque a alternativa seria desastrosa para o sistema viário e a manutenção do pavimento da cidade: os 200 caminhões que diariamente vão trazer gado em pé para abate e levar a produção de carne para os centros consumidores, terão de passar pelas vias estreitas do São Bento, o bairro mais populoso da cidade.

No último dia 22 de setembro, o presidente da Fiems, Sérgio Longen, acompanhado do proprietário da empresa, trouxe à cidade o secretário Jaime Verruck para cobrar dele a liberação dos recursos do FAI (fundo formado por contribuições das indústrias beneficiadas com incentivos fiscais, que recolhem 2% do imposto devido) para viabilizar o acesso.   

Duplicação

Até o final do mês a empreiteira MS-Pavimentação deve trazer os equipamentos que utilizará nas obras de duplicação do trecho de um quilômetro da MS-162 (saída para Maracaju), entre o trevo para Nioaque e o acesso ao complexo de armazenagem da Lar Cooperativa.

A empreiteira venceu a concorrência com o orçamento de R$ 5.297.594,65, valor quase R$ 600 mil da projeção da obra orçada em R$ 5,9 milhões, que prevê dois trevos, um para acesso ao Frigorífico Balbinos e outro mais adiante, aos armazéns da LAR.    

Já está em fase de elaboração o projeto e nos próximos dias será licitada a duplicação, ao custo de R$ 6 milhões, de um trecho complementar de mais 1,5 quilômetros (também com trevo). Começará a partir da Lar Cooperativa e vai até a área onde está sendo construído o futuro complexo de armazenagem da Cooperativa Agroindustrial de Campo Mourão. Neste trajeto entre as duas cooperativas vão se instalar às margens da rodovia, outras seis empresas, incluindo uma indústria de fertilizantes, a Dell Vale.

 








Flávio Paes - Região News


Reportar Erros



 


 
.
SIDROLÂNDIA - MS

Escolhido como ponto de encontro de amigos, empresário muda endereço de ...
MATO GROSSO DO SUL

Mulher está na base da pirâmide salarial de MS, mostra pesquisa do IBGE
MATO GROSSO DO SUL

Educação abre inscrição para cadastro reserva de professores contratados
SIDROLÂNDIA - MS

Almir Sater é recepcionado com costelada e dobradinha na chácara São José
 
 
  • Notícias
  • + Lidas

1

Escolhido como ponto de encontro de amigos, empresário muda endereço de cafeteria para ampliar espaço

Leia mais








© Regiao News - Todos os Direitos Reservados.
contato@regiaonews.com.br
+ 55 67 3272 6466
Desenvolvido por:
MD-WEBMARKETING