Imoveis a Venda | Classificados | Super Galeria | Videos

REDAÇÃO (67)3272-6466

Noticia de: 09 de Novembro de 2017 - 10:09

Tite deixa claro que será exigente com a Seleção em amistosos: "Excelência"

Treinador diz que nova etapa de preparação para a Copa do Mundo é fundamental e aponta que Japão e Inglaterra oferecerão jogos com novas características ao time






 

Tite afirma que será exigente com desempenho do Brasil nos amistosos -
Foto: Pedro Martins/MoWA Press


 
 

Apesar de a vaga para a Copa do Mundo ter sido garantida com antecedência e bom desempenho da seleção brasileira, Tite deixou claro que o fim das eliminatórias não dará fim à cobrança sobre a equipe. Na véspera do penúltimo amistoso de 2017, diante do Japão, em Lille, nesta sexta-feira, o comandante do Brasil apontou que deseja ver atuações de qualidade em uma nova etapa de preparação para o Mundial.

- É preparação, não gosto de adjetivar teste. É uma nova etapa de preparação. O Bielsa fala uma frase que eu comungo: "Valorizo mais o merecido que o conseguido". O desempenho nesta fase da preparação é fundamental. O desempenho de excelência é minha exigência nesta nova etapa - disse o técnico em entrevista coletiva.

Tite relatou como preparou a equipe, além dos treinos: com uma conversa sobre o desempenho do time nas últimas partidas, frisando o que repetir e o que deixar para trás. E buscou motivar os atletas como se o Mundial começasse agora.

- Terminei com um exercício de imaginação. Imaginem que agora tudo é Copa do Mundo, amanhã temos que simular um jogo de Copa do Mundo, são duas equipes que estão no Mundial.

O Brasil enfrenta o Japão nesta sexta-feira, às 10h (de Brasília), em Lille, e depois viaja para Londres, onde enfrentará a Inglaterra, na próxima terça, às 18h. 

Confira outros trechos da coletiva de Tite:

Neymar no PSG
- As situações de clubes são geridas pela grandeza, têm respeito, mas meu foco é no nosso trabalho, no respeito que temos tido. Todos os atletas aqui são bem trabalhados em seus clubes, por isso produzem bem na Seleção.

Avaliação dos atletas
- O pouco tempo é desafiador, poucos jogos. O tempo que eu tenho na seleção brasileira é menos do que três meses de clube. Procuro fazer essa avaliação justa com acompanhamento dos trabalhos nos clubes, jogos e treinos, manter relação de muita transparência com os clubes. Foi solicitado pelo Liverpool que viesse uma pessoa acompanhar a recuperação do Coutinho. Está aberto, queremos a relação.

Duelo contra o Japão
- Muda a característica dos jogos que tivemos na América do Sul. Agora é uma equipe de maior mobilidade, sai da ação defensiva para a ofensiva com velocidade, tem pivô de infiltração pros de trás, tem jogo apoiado, muita triangulação. Características diferentes de equipe para mantermos nível alto de desempenho, nos ajustando ao adversário.

Diferenças entre clubes e a Seleção
- As cobranças e bolas paradas nos clubes, os movimentos e funções dos atletas são diferentes na Seleção. Alguns fazem marcação individual, a nossa é setorizada porque gosto de ter marcação e cobertura. Na marcação individual, uma finta deixa jogador sozinho. É uma das adaptações. Outras de posição/função, estou trazendo o Fernandinho para função de articulação que no City faz o David Silva.

Condições físicas dos jogadores
- Quando montamos a comissão técnica, ela tem um profissional em diversos setores, as partes clínica e física, com interação com os clubes para que o atleta esteja sadio, bem, com saúde. A relação do nosso preparador físico com os clubes, a Seleção está aberta para eles verem o trabalho. Mandamos relatórios de todos os atletas, da mesma forma na parte médica.

Ser técnico de clube x ser técnico de seleção
- No clube há tempo maior para estabelecer relação e vínculo de confiança, há mais tempo com o atleta. Tu consegue observar melhor como ele reage, uma intervenção mais forte ou um conselho. Em contrapartida, o técnico da Seleção se desgasta pouco com o atleta. São nove dias, todas as situações estão legais. A dificuldade aqui é estabelecer uma função, querer que o lateral construa por dentro. Hoje eu nem tomei café, acordei, comi uma fruta, rememorei todo meu trabalho tático, vim aqui para prepará-los melhor. Aqui é tudo muito acelerado. No clube tu tem um tempo maior.

Mudanças no time
- Danilo, Thiago, Jemerson, Marcelo, Fernandinho numa posição que Renato vinha exercendo, Casemiro, Giuliano mais solto, com infiltrações. Deixando o desenho e respeitando características do Willian, Neymar, Gabriel, Alisson. Sim, está confirmada. Busco oportunizar o Danilo, para ter real condição de jogar. Jemerson da mesma forma. Fernandinho é uma posição que ele exerceu há algum tempo. Fernandinho tem todas as características para fazer isso bem feito, e assim tenho variações táticas em diferentes setores da equipe.

Uso do árbitro de vídeo
- Sou um grande incentivador do árbitro de vídeo, na busca pela justiça, do correto. Toda vez que o futebol premia o merecido, eu fomento. Que seja competitivo e leal, não haverá problema, o árbitro não vai te punir. Se fizer faltas excessivas, deixa para a arbitragem. Se agarrar dentro da área, faça a situação de contato de maneira leal, que não haverá problema. Eu, como técnico, quero que seja justo. Se eu tivesse um desafio, como tem no vôlei, eu gostaria muito. Talvez eu queira demais, mas é o correto, justo, deve ser assim. Premiar o mais competente, quem merece, é a premissa.

Espaço para alguns atletas
- Danilo é uma substituição, o Jemerson também. O Thiago e o retorno do Marcelo eu não vejo. Fernandinho sim, numa função diferenciada. E Giuliano. A oportunidade ao Giuliano não era o processo inicial, era o Coutinho para jogar ali. A oportunidade surge. Veja os atletas estarem preparados. A ideia inicial nossa era o Coutinho com Fernandinho e Casemiro.

 









Globo Esporte


Reportar Erros



 


 
.
FUTEBOL

Com Neymar e outros cinco brasileiros, Uefa abre votação para time do ano
FUTEBOL

Após reunião com Modesto, Lucas Lima é afastado do Santos
FUTEBOL

Diretoria do Santos convoca Lucas Lima para reunião; meia pode ser dispensado
FUTEBOL

Cueva joga, mas São Paulo só empata com o Botafogo no Pacaembu
 
 
  • Notícias
  • + Lidas







© Regiao News - Todos os Direitos Reservados.
contato@regiaonews.com.br
+ 55 67 3272 6466
Desenvolvido por:
MD-WEBMARKETING