Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Segunda, 29 de Novembro de 2021

Artigos

Conheça a história de Irani Pereira de Souza, por Dulceléia Soares

O primeiro a ser homenageado é um homem que desde muito novo enfrentou a vida com garra. Trata-se do senhor Irani Pereira de Souza

Dulciléia Soares

29 de Agosto de 2013 - 10:09

Com o sucesso do quadro “memória viva” o jornal eletrônico Região News estendeu a honra ao povo de Paranhos para conhecer histórias emocionantes e até então desconhecidas sobre muitas figuras que foram importantes para a criação e desenvolvimento do município.

O primeiro a ser homenageado é um homem que desde muito novo enfrentou a vida com garra e até hoje luta incansavelmente para o crescimento desta cidade. Trata-se do senhor Irani Pereira de Souza, pai do prefeito Júlio Cesar...

Nascido em 1º de setembro de 1952 no município de Jataizinho-PR, é o caçula do casal Benedito pereira de Souza e Leonor Urias de Melo Souza, que ao total tiveram 7 filhos.

Conheça a história de Irani Pereira de Souza, por Dulceléia Soares

Conheça a história de Irani Pereira de Souza, por Dulceléia SoaresIniciou os estudos em sua cidade natal e completou o segundo grau na Escola Estadual Gastão Vidigal, no município de Maringá-PR, estudou Letras anglo pela UEM (Universidade Estadual de Maringá-PR).

Em 1976 conheceu Cleuza Firme Dodó de Souza, em Sete Quedas - MS, com a qual se casou em Março de 1977 e teve três filhos: Karla, Júlio Cesar e Dayara (foto).

Veio para Paranhos em 1980, começou a trabalhar na Escola Estadual Santiago Benites no cargo de agente administrativo em 1982. Também fazia substituições de professores, esforço que com o tempo foi valorizado se tornando professor definitivo.

Em meio às obrigações da profissão, os desafios de quem sonhava com uma cidade mais Conheça a história de Irani Pereira de Souza, por Dulceléia Soaresjusta, humana e acima de tudo, que pudesse oportunizar dias melhores a seus filhos, Irani Pereira monta um time de futebol com intuito de descobrir talentos futebolísticos na região. O campo onde aconteciam os treinos não era dos melhores. O chamado peladão (campo de terra) fazia muito sucesso na época. O filho do meio Júlio Cesar (hoje prefeito) sempre compartilhava do sonho do pai, apesar de ainda criança.

Conheça a história de Irani Pereira de Souza, por Dulceléia SoaresEm 1982 foi o vice-presidente do subdiretório do PMDB de Paranhos na época ainda distrito de Amambai-MS. Nesse período iniciou a construção da praça central na gestão do prefeito nomeado de Amambai-MS: Dejair Céspede de Souza e concluído na administração de Geraldo Felipe Correia em 1986. O qual indicou Irani para concorrer à eleição de subprefeito de Paranhos, que foi eleito através do subdiretório municipal.

Sua gestão como subprefeito foi de 1985-1988. Durante todo esse período pode contar com o apoio incansável da sua esposa Cleuza que ficou responsável pelas ações sociais do município, também foi presidente do clube das mães, se destacando como uma das mulheres mais dedicadas aos trabalhos sociais de Paranhos, sempre priorizando as famílias mais carentes.

As demandas do Município eram encaminhadas ao Governo Estadual e Federal através do Deputado Estadual Dr. Ricardo Augusto Bacha e Deputado Federal Valter Pereira e contava com apenas três vereadores que atuavam em Amambai bem representando o nosso DISTRITO DE PARANHOS. Eram os Senhores: Domingos Gonçalves, Orides Ratier e Domingos Gregol Puckes.

Conheça a história de Irani Pereira de Souza, por Dulceléia Soares

Além da construção da praça municipal houve a implantação da rede de energia elétrica Conheça a história de Irani Pereira de Souza, por Dulceléia Soaresinclusive na vila Nova através de um grande mutirão, água canalizada e posto telefônico. Foi com esses requisitos e uma forte união que possibilitou a luta pela emancipação do distrito, realizada em 1987, com a participação dos vereadores e da comissão pró-emancipação representada pelos deputados estaduais Ricardo Bacha e Onevan de Matos. A comissão para pró-emancipação era composta por 20 membros e Irani Pereira de Souza foi o presidente.

No ano de 1988 se lançou candidato pelo PMDB e foi eleito o vereador mais votado. Na época o prefeito era Donevil Alves e durante a gestão de (1988-1992) lutaram muito para o desenvolvimento e progresso do município.

Conheça a história de Irani Pereira de Souza, por Dulceléia SoaresEm 1992 decidiu se candidatar a prefeito pelo PMDB enfrentando o senhor Domingos Gregol Puckes. A contagem de votos foi polêmica, havendo momentos em que Irani até foi anunciado prefeito, mas a justiça eleitoral definiu a vitória oficial ao seu adversário.

Continuou lutando ainda residente no município, suportando diversas dificuldades e depois de um tempo foi convidado para fazer parte do governo de Wilson Barbosa Martins, onde o secretário de fazenda era Ricardo Bacha, que o indicou para ser assessor especial da secretaria de fazenda, atuando até o final do mandato (1994-1996).

Conheça a história de Irani Pereira de Souza, por Dulceléia SoaresNo ano de 1996 retornou a Paranhos para disputar novamente a eleição a prefeito, tendo como vice Sileide Alves, esposa do ex-prefeito Donevil Alves (foto). Seus adversários eram Orides Ratier e Heliomar Klabunde, sendo este último eleito prefeito de Paranhos, nesta eleição foram eleitos três vereadores do PMDB, dentre eles: seu irmão Israel Pereira, nome que seu deu ao plenário da Câmara Municipal . Com a derrota, Irani mais uma vez regressou a capital no início de 1997.

Conheça a história de Irani Pereira de Souza, por Dulceléia Soares

No ano de 2000 foi convidado por Dagoberto Nogueira Filho para fazer parte do PDT, nessa mesma época seu filho Júlio Cesar também foi filiado. Irani decidiu voltar a Paranhos para disputar pela terceira vez a eleição para prefeito agora pelo PDT em uma aliança com o PT tendo o apoio do governador Zeca do PT, tendo Alcides Domingos Lopes também do PT, como seu vice, dessa vez para marcar presença, caso contrário haveria um único candidato, Heliomar Klabunde que concorria à reeleição. E foi reeleito!

Conheça a história de Irani Pereira de Souza, por Dulceléia SoaresNo mesmo ano, Irani retornou a capital para reassumir seu cargo de assessor, logo após, Dagoberto Nogueira filho, na época presidente estadual do DETRAN-MS indicou Júlio Cesar de Souza, para assumir a chefia do DETRAN de Paranhos. Em 2004 Irani veio a Paranhos para unir forças com partidos da oposição e se lançar candidato a vice-prefeito, onde seu filho Júlio foi candidato a vereador pela primeira vez pelo PDT.

Conheça a história de Irani Pereira de Souza, por Dulceléia SoaresA parceria proposta à oposição não rendeu êxito, o PT lançou candidato isolado: Omar da Ezatoria (PT), Dirceu Betoni pelo PSDB e Irani dessa vez foi o vice de Joanelse Pinheiro. Onde Dirceu Betoni foi eleito prefeito de Paranhos, mas seu filho Júlio Cesar conseguiu ser eleito juntamente com o professor Guto, ambos apoiados por Irani.

Foi à última vez que Irani se envolveu em política deixando seu filho Júlio Cesar dando continuidade ao projeto de oposição pelo PDT, sendo reeleito o vereador mais votado nas eleições de 2008 e conseguindo em 2012 realizar a grande conquista e orgulho de seus pais, sendo eleito um dos prefeitos mais jovens do estado de Mato Grosso do Sul.

Irani reside atualmente na capital, agora aposentado pelos serviços prestados como funcionário público estadual, mas está sempre ajudando seu filho na administração de Paranhos-MS.

Conheça a história de Irani Pereira de Souza, por Dulceléia Soares

Além da vitória em ter transformado seu filho num político admirável, também conseguiu forma-los profissionalmente: sua filha Karla é formada em economia, o prefeito Júlio Cesar em biologia e a caçula Dayara em direito.