Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Domingo, 29 de Novembro de 2020

Eleições 2020

Daltro venceu no Quebra Coco e Enelvo ganhou na comunidade indígena

Flávio Paes/Região News

19 de Novembro de 2020 - 10:18

No Quebra Coco, Daltro Fiuza teve 312 votos e Enelvo, garantiu 307. Fotos: Marcos Tomé/Região News

Com a divulgação do resultado por seção eleitoral já começou desenhar a distribuição dos votos dos candidatos a prefeito, por região e segmentos da sociedade. No Distrito de Quebra Coco, o candidato do MDB venceu por uma pequena margem (diferença de 5 votos), mas na comunidade indígena, Enelvo Felini ganhou, entretanto, a disputa também foi equilibrada, teve uma frente de 25 votos.

Em Quebra Coco, que tradicionalmente sempre foi um reduto do PSDB, Daltro Fiuza teve 312 votos, 45,02% dos votos válidos; Enelvo, garantiu 307, 44,30%, enquanto o empresário Moacyr Almeida, garantiu 74 votos (10,67%).

Na comunidade indígena o cenário foi parecido, um empate técnico. Somando os votos das aldeias Córrego do Meio e Tereré (na área urbana), Enelvo teve 555 votos (45,86%); Daltro garantiu 530 votos (43,80%) e Moacyr, 125 votos (10,33%). Na Córrego do Meio, Daltro e Enelvo, tiveram a mesma votação (243) e Moacyr, só 23 votos. Na Tereré, vitória do candidato tucano, com 312 votos, Daltro, obteve 287 e Moacyr Almeida, 102 votos.