Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Quarta, 30 de Setembro de 2020

Sidrolândia

Com pandemia, Judiciário suspende audiências por mais 60 dias em Sidrolândia

Em média são realizadas 20 audiências por mês no Fórum de Sidrolândia.

Flávio Paes/Região News

22 de Maio de 2020 - 15:12

Com pandemia, Judiciário suspende audiências por mais 60 dias em Sidrolândia

Em função da pandemia do Covid-19, em Sidrolândia a Justiça suspendeu por dois meses, em junho e julho, as audiências presenciais e também as por videoconferência que não são realizadas desde março, não só causando prejuízo para as partes litigantes, mas também deixando sem renda os advogados.

Em média são realizadas 20 audiências por mês no Fórum de Sidrolândia, que na avaliação do juiz Fernando Moreira, é um ambiente “pequeno e com pouco ventilação”, o que geraria de forma inevitável, aglomerações.

Enquanto em algumas comarcas (na cidade até mesmo a Justiça do Trabalho) tem mantido de forma controlada as audiências de conciliação, em Sidrolândia os juízes optaram por manter apenas as audiências presenciais que envolvam réus presos, adolescentes internados ou para evitar a perda de direitos por prescrição de prazo.

Além do espaço outro argumento do juiz titular da 2ª Vara é que nem todas as testemunhas teriam acesso à internet de qualidade para poderem participar de videoconferência ou ter acesso a aplicativos.

A presidente da subsecção local da OAB, Fabiane Brito, entende que pelo menos as audiências de conciliação de algumas demandas, como questões de relação de consumo, poderiam ser realizadas com controle de acesso, medidas de distanciamento.