Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Segunda, 24 de Junho de 2024

Policial

Acusado de morte na década de 90 é condenado a 7 anos

Correio do Estado

29 de Junho de 2012 - 14:12

Depois de 15 anos do assassinato de Aguinaldo Carvalho Cordeiro, o conselho de sentença da 2ª Vara do Tribunal do Júri condenou Gilmar Aparecido de Freitas Silva a sete anos, quatro meses e onze dias de reclusão em regime semiaberto, mas o acusado continua preso devido a outro processo que responde na prisão.

Na sentença, o juiz Aluízio Pereira dos Santos, considerou atenuante os fatores de confissão e pelo fato da vítima ter provocado as emoções do réu.

O Ministério Público pediu a condenação do acusado porque, segundo a denúncia, na tarde do dia 6 de fevereiro de 1997, no bairro Guanabara, em Campo Grande, o acusado desferiu tiros contra Aguinaldo Carvalho Cordeiro, causando-lhe a morte.