Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Sábado, 15 de Maio de 2021

Policial

Agentes tentam localizar grávida que fugiu de dentro da Superintendência da PF

Na fuga, ela passou pela portaria e apenas levou pertences pessoais. Segundo a Polícia Federal, a droga que ela portava continua apreendida.

Correio do Estado

15 de Dezembro de 2016 - 10:10

Mulher grávida presa ontem (13) por tráfico de drogas conseguiu fugir de dentro da Superintendência da Polícia Federal (PF), em Campo Grande. Ela era mantida em sala especial e não em cela.

A unidade da Capital não tem área específica para atender mulheres que estejam esperando filho e, por isso, é preciso adaptar o espaço para abrigar pessoas autuadas em flagrante nessas condições.

Ela ficaria detida na sala até poder ser transferida para outro local, possivelmente no sistema prisional estadual, na Penitenciária Irmã Irma Zorzi, em Campo Grande. Como o auto de flagrante terminou no final do dia, a remoção, nestes casos, fica agendada para o dia seguinte.

Na fuga, ela passou pela portaria e apenas levou pertences pessoais. Segundo a Polícia Federal, a droga que ela portava continua apreendida.

"Imediatamente após a fuga foi determinado que equipes de policiais procedessem buscas, as quais estão envidando diligências para recapturá-la", informou nota da PF. Até a publicação desta matéria ela não tinha sido capturada.

A corregedoria foi notificada para averiguar quais os motivos da falha para permitir a fuga e identificar responsáveis.

Policiais federais faziam festa de confraternização ontem, depois do expediente, mas a assessoria de imprensa justificou que o evento não acontecia na superintendência e plantonistas não estavam participando.