Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Quarta, 27 de Outubro de 2021

Policial

Cinco pessoas morreram em acidentes envolvendo ambulâncias na BR-163

O motorista Valdir de Lima Oliveira, 27 anos morreu na hora. Ele era o motorista da ambulância particular que seguia sentido Campo Grande/Dourados

Campo Grande News

07 de Agosto de 2013 - 08:45

Em menos de duas semanas, três acidentes envolvendo ambulâncias foram registrados na BR-163, considerada a mais perigosa do Estado. Cinco pessoas morreram. O último aconteceu por volta das 23h dessa terça-feira (6), próximo a Anhanduí, em Campo Grande.

O motorista Valdir de Lima Oliveira, 27 anos morreu na hora. Ele era o motorista da ambulância particular que seguia sentido Campo Grande/Dourados e foi atingida por um caminhão, que invadiu o sentido contrário da pista. Outras duas pessoas ficaram feridas. A enfermeira, Katiuscia Ferreira Pedroso, 31 anos que estava na ambulância e Adoir Soares de Castro, 30 anos, motorista do caminhão.

No último dia 31, Florisvaldo Menezes Lima, teve a parte de uma das pernas decepadas, depois que o motorista de uma ambulância de Rondonópolis perdeu o controle da direção e capotou na BR-163, entre Coxim e Pedro Gomes. O motorista ficou gravemente ferido. A ambulância seguia para Campo Grande e o acidente aconteceu próximo ao Posto Recreio, na entrada de Pedro Gomes.

Já no dia 26, quatro pessoas morreram em um grave acidente, que também envolveu uma ambulância e um caminhão, na BR-163, entre Nova Alvorada do Sul e Rio Brilhante. A suspeita é de que o motorista da ambulância tenha cochilado ao volante e invadido a contramão durante uma curva.

Morreram o condutor da ambulância, Ed Carlos Ranulfo da Silva, Eliane Aparecida Batista, 44 anos, e Merci Alves Correia Batista, 65 anos e Manoel Neto Xavier, 84 anos.