Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Domingo, 9 de Maio de 2021

Policial

Comparsa presenciou estupro e morte de menina de 12 anos em Jardim

Ainda em depoimento, o homem disse que viu quando o amigo golpeou a cabeça da menina e começou a praticar o estupro.

Midiamax

04 de Janeiro de 2017 - 15:43

Os dois homens presos por homicídio e estupro de uma menina de 12 anos em Jardim, já foram encaminhados ao presídio. O crime teria ocorrido no mesmo dia em que a menina desapareceu, dia 31 de dezembro de 2016.

Segundo a polícia, os dois presos têm 42 e 43 anos. O homem de 42 anos foi preso por ser coautor do crime, por ter presenciado o estupro e a morte de Ana Jaqueline e não ter impedido. O homem de 43 anos voltou ao local onde a menina foi assassinada no dia seguinte e simulou ter apenas encontrado o corpo.

Segundo informações da delegada, passadas ao site ZDK News, em depoimento o homem de 42 anos disse ter visto o amigo discutindo com a criança na noite do dia 31, se aproximou e, ao perguntar o que estava acontecendo, o criminoso pediu que ela se afastasse.

Ainda em depoimento, o homem disse que viu quando o amigo golpeou a cabeça da menina e começou a praticar o estupro. Ele afirmou que se aproximou enquanto a menina era estuprada e também praticaria o crime, só desistiu ao perceber que a vítima estava morta.

O crime foi registrado como estupro de vulnerável, homicídio qualificado e ocultação de cadáver.