Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Sábado, 4 de Dezembro de 2021

Policial

Ex-presidiario é executado com 16 tiros de pistola em Ponta Porã

Segundo a policia, Izidro Cardoso teria sido executado em um ajuste de contas entre assaltantes que atuam na fronteira.

94FM

20 de Julho de 2013 - 08:45

O ex-presidiario e paraguaio, Izidro Cardozo de 41 anos foi assassinada no inicio da tarde desta sexta-feira com 16 tiros de pistola 9mm no Bairro São Domingos em Ponta Porã. Os dois acusados foram presos num trabalho conjunto das policias do Brasil e Paraguay.

A vitima transitava a bordo de uma motocicleta estrangeira pela Rua Piauí próximo do posto de saúde do Bairro, quando por volta das 12h40minhs, dois pistoleiros em outra moto interceptaram a vitima e executaram com 16 tiros.

Logo apos executarem a vitima, deixaram os dois fugiram de moto. Na fuga o paraguaio Mauro Jara Freitas de 29 anos caiu da moto e foi preso pela polícia militar, já o comparsa, o brasileiro Emerson Vilhalva Pavão de 19 anos, foi preso por policiais do Paraguay no Município de Pedro Juan Caballero.

Segundo informações da polícia a vitima teria saído cadeia da penitenciaria da cidade de Pedro Juan Caballero onde se encontrava preso por envolvimento em um assalto a uma casa de cambio da vizinha cidade paraguaia onde cumpria uma condena de 17 anos de cadeia.

Segundo a policia, Izidro Cardoso teria sido executado em um ajuste de contas entre assaltantes que atuam na fronteira. Segundo Mauro, a vitima teria se negado a comprar alguns objeto que os dois pistoleiros teriam roubado juntos a alguns dias atrás.