Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Quinta, 13 de Junho de 2024

Policial

Humorista cearense acusado de pedofilia é solto; irmão assume crimes

Mução estava preso desde a última quinta-feira quando foi acusado de pedofilia na operação "Dirtynet" da Polícia Federal

Terra

30 de Junho de 2012 - 09:52

O radialista e humorista Rodrigo Vieira Emerenciano, conhecido popularmente como "mução" foi solto no início da noite deste sexta-feira depois que a 13ª vara da Justiça Federal em Pernambuco expediu um alvará de soltura. A informação é do advogado de defesa, Valdir Xavier. "Ele ainda está muito abalado com tudo que aconteceu", afirmou. Mução estava preso desde a última quinta-feira quando foi acusado de pedofilia na operação "Dirtynet" da Polícia Federal.

O irmão de mução assumiu a autoria dos crimes e prestou depoimento na sede da Polícia Federal em Fortaleza, ainda segundo o advogado Valdir Xavier. "Ainda é muito doloroso para o Rodrigo saber que tudo isso aconteceu", completou. Mução e o advogado ainda permanecem no Recife e não têm data marcada para voltar à Fortaleza.

O irmão de mução, de 23 anos e que não teve o nome revelado, foi liberado logo após prestar depoimento aos agentes federais na capital cearense. De acordo com o diretor regional de Combate ao Crime Organizado da PF, Nilson Antunes ele "tinha pleno acesso aos computadores do irmão e de outras pessoas".

Ainda durante a operação Dirtynet, a PF apreendeu tablets, discos rígidos e um notebook de propriedade do humorista que supostamente continham imagens de crianças e adolescentes em situação de abuso sexual.