Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Segunda, 17 de Junho de 2024

Policial

Indígena é encontrada morta em aldeia Aldeia Tey Kuê em Caarapó

As testemunhas contam que em seguida, o marido foi atrás delas. Mais tarde ele foi visto deixando à residência em uma bicicleta

Dourados Agora

13 de Julho de 2012 - 09:34

A indígena Maristela Ortiz Chimenes, de 42 anos, foi encontrada morta na madrugada desta quinta-feira (12), na Aldeia Tey Kuê, localizada no município de Caarapó. O corpo da vítima não apresenta sinais de violência.

De acordo com informações, Maristela ingeria bebidas alcoólicas nos fundos do quintal juntamente com o marido Edmilson Mendes, e alguns vizinhos. Em certo momento, o casal discutiu e a mulher entrou na casa.

As testemunhas contam que em seguida, o marido foi atrás delas. Mais tarde ele foi visto deixando à residência em uma bicicleta.

Por volta das 3 horas, à mulher foi encontrada já sem vida, caída sobre a cama. O corpo de Maristela foi encaminhado para o Instituto Médico Legal (IML) de Dourados, onde passa por uma bateria de exames. Já Edmilson, foragido, é procurado pela Polícia.