Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Sábado, 15 de Maio de 2021

Policial

Ladrão é morto a tiros ao roubar comércio e atirar contra PM

No segundo andar, os militares ouviram mais vidros quebrando, subiram a escadaria e se depararam com uma porta de ferro arrombada.

Campo Grande News

16 de Dezembro de 2016 - 11:00

Robson Campos, 31, foi morto a tiros pela PM (Polícia Militar) após invadir e roubar um comércio às 04h50 desta sexta-feira (16) em Corumbá. Ele estava com um comparsa que fugiu pela janela.

Segundo consta no boletim de ocorrência, equipe de Rádio Patrulha acionou a PM para dar apoio em uma ocorrência de furto em um comércio localizado no centro da cidade.

A informação que os policiais tinham era que dois homens armados estavam escondidos dentro da loja. Foi realizado um cerco e os militares entraram no local armados com escudo, espingarda calibre 12 e submetralhadora .40. No primeiro piso da loja, o local estava todo revirado e com vidros de janelas quebrados.

No segundo andar, os militares ouviram mais vidros quebrando, subiram a escadaria e se depararam com uma porta de ferro arrombada. Ao chegarem na porta de acesso, os ladrões começaram a atirar nos policiais, dando início na troca de tiros.

Foram efetuados cinco disparos com a submetralhadora .40. Quando a troca de tiros cessou, os policiais encontraram Robson caído ao lado do revólver que estava com ele.

Ele foi socorrido e encaminhado ao pronto socorro ainda com vida, mas morreu ao dar entrada no hospital. O comparsa dele fugiu pela janela durante a troca de tiros.

Robson, segundo a ocorrência, tinha uma extensa ficha criminal, como roubo, furto, tráfico de drogas, disparo de arma de fogo, bem como histórico de desobediência e resistência. Ele estava foragido do regime semi-aberto.

Em uma sacola, foi encontrado 2.150 bolivianos em espécie dinheiro boliviano) roubado do comércio. Robson atirou duas vezes contra os policiais, segundo as munições da arma encontrada com ele.