Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Quinta, 20 de Junho de 2024

Policial

Ladrão mordido por cão é preso após teste de DNA

Homem foi ferido ao tentar usar porta para cão para invadir casa. Polícia recolheu sangue deixado no chão e nos dentes do animal.

G1 Mundo

27 de Julho de 2012 - 16:41

cãoUm rottweiler de uma família ajudou a polícia a prender um ladrão após um exame de DNA feito com amostras de sangue dos dentes do cão serem usadas na identificação.

Missy, uma cadela de 11 anos, cravou seus dentes na mão do bandido, que tentou entrar na casa por meio da portinhola usada pelo cão em Leamington Spa, no
Reino Unido.

De acordo com o “Daily Mail”, o geralmente tranquilo animal fez tantos ferimentos que a polícia conseguiu recolher amostras de DNA do sangue deixado no local e nos dentes de Missy.

A tentativa de invasão ocorreu enquanto a família estava fora. Uma vizinha que estava cuidando da casa encontrou a porta de trás suja de sangue e chamou a família de volta.

“Ela agora se tornou uma investigadora de crimes. Geralmente, ela é muito doce. Foi totalmente fora da personalidade de Missy”, contou a dona da casa Pauline Cunningham, de 53 anos.

Segundo ela, a cadela deve ter se sentido ameaçada, já que costuma usar a portinhola para entrar e sair de casa e espantar gatos invasores.

“O ladrão deve ter usado a portinhola para tentar alcançar a maçaneta. Como as luzes estavam apagadas, eles não deve ter visto Missy se aproximar”, contou a filha Amanda, de 25 anos.