Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Domingo, 14 de Abril de 2024

Policial

Motorista que estava sem CNH provoca acidente com outros 3 veículos

Com o acidente, todos veículos ficaram danificados, porém embora o susto, ninguém ficou ferido.

Campo Grande News

20 de Novembro de 2017 - 15:47

Motorista de 67 anos que estava sem habilitação provocou acidente de trânsito com mais três veículos na tarde desta segunda-feira (20), por volta das 14h, na avenida Doutor João Rosa Pires, no bairro Amambaí, em Campo Grande.

Ao site, a vigilante Thaynara Raquel Ferreira, 27 anos, detalhou que estava na calçada quando viu um veículo Gol em alta velocidade desviar de um buraco e bater na traseira de uma Saveiro.

O gol era conduzido por Francisco Ribeiro, 67 anos, que após o choque perdeu o controle do carro e bateu em outros dois veículos estacionados na avenida sendo eles um Hyundai I30 e um Vectra, que é da vigilante. “Estava no cartório resolvendo a transferência da documentação do veículo quando o acidente aconteceu”, declarou.

Motorista de 67 anos que estava sem habilitação provocou acidente de trânsito com mais três veículos na tarde desta segunda-feira (20), por volta das 14h, na avenida Doutor João Rosa Pires, no bairro Amambaí, em Campo Grande.

Ao site, a vigilante Thaynara Raquel Ferreira, 27 anos, detalhou que estava na calçada quando viu um veículo Gol em alta velocidade desviar de um buraco e bater na traseira de uma Saveiro.

O gol era conduzido por Francisco Ribeiro, 67 anos, que após o choque perdeu o controle do carro e bateu em outros dois veículos estacionados na avenida sendo eles um Hyundai I30 e um Vectra, que é da vigilante. “Estava no cartório resolvendo a transferência da documentação do veículo quando o acidente aconteceu”, declarou.

Com o acidente, todos veículos ficaram danificados, porém embora o susto, ninguém ficou ferido.

“Estava almoçando e quando sai do restaurante vi que meu carro tinha sido atingido. Liguei para a Polícia Militar, mas como não teve vítimas houve muita demora no atendimento. É um absurdo. As pessoas agora podem sair batendo então?”, questiona o jornalista Jefferson Almeida, 50 anos, que é dono do I30.

Equipes da PM chegaram no local por volta das 15h40 e verificaram que o motorista do Gol não portava CNH (Carteira Nacional de Habilitação). O juizado de trânsito também foi chamado e apenas o dono do I30 tinha seguro do veículo.

Questionado, o motorista Francisco Ribeiro disse apenas que “perdeu o controle”.

Serviço – Em casos como este a orientação é que os motoristas registrem a ocorrência por meio da Devir (Delegacia Virtual) e acionem o juizado de trânsito.

“Estava almoçando e quando sai do restaurante vi que meu carro tinha sido atingido. Liguei para a Polícia Militar, mas como não teve vítimas houve muita demora no atendimento. É um absurdo. As pessoas agora podem sair batendo então?”, questiona o jornalista Jefferson Almeida, 50 anos, que é dono do I30.

Equipes da PM chegaram no local por volta das 15h40 e verificaram que o motorista do Gol não portava CNH (Carteira Nacional de Habilitação). O juizado de trânsito também foi chamado e apenas o dono do I30 tinha seguro do veículo.

Questionado, o motorista Francisco Ribeiro disse apenas que “perdeu o controle”.

Serviço – Em casos como este a orientação é que os motoristas registrem a ocorrência por meio da Devir (Delegacia Virtual) e acionem o juizado de trânsito.