Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Segunda, 15 de Agosto de 2022

Policial

Padre é afastado depois de engravidar adolescente de 16 anos na Capital

A denúncia se confirmou depois de uma nota publicada nesta terça-feira (29), assinada pelo Arcebispo Metropolitano, Dom Dimas Lara Barbosa.

Correio do Estado

29 de Setembro de 2015 - 13:27

O padre Jocerlei José Tavares, que exercia as funções de Vigário Paroquial da Paróquia Santa Rita de Cássia, em Campo Grande, foi afastado depois de um suposto relacionamento com uma jovem de 16 anos. A denúncia se confirmou depois de uma nota publicada nesta terça-feira (29), assinada pelo Arcebispo Metropolitano, Dom Dimas Lara Barbosa.

A denúncia teria sido feita por fiéis que frequentam as missas e segundo a nota, assim que o Arcebispo Metropolitano de Campo Grande e o Superior Provincial, padre Edgar Ertl tiveram conhecimento dos fatos, o suspeito foi afastado do exercício público do ministério.

Ainda segundo o comunicado de Dom Dimas, o padre irá prestar esclarecimentos à autoridade policial competente, além de prestar toda assistência à jovem e ao bebê. Os detalhes do relacionamento do padre com a adolescente não foram divulgados.

O padre também exercia o cargo de ecônomo da Arquidiocese e Secretário Executivo do Regional Oeste 1 da Confederação Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB).