Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Segunda, 26 de Outubro de 2020

Policial

PM de férias frustra assalto e prende assaltantes

Segundo informações os dois assaltantes são considerados perigosos já que durante os assaltos que realizavam atuavam com extrema violência contra as vitimas.

Dourados news

09 de Janeiro de 2014 - 09:10

Um Policial Militar que se encontrava de férias impediu um assalto na cidade de Ponta Porã, localizada na fronteira com o Paraguai e recuperou objetos roubados e uma motocicleta.

Os assaltantes foram identificados como sendo Eugenio Villalba Martinez, 32 anos, e Cezar Centurion, 21 anos, ambos de nacionalidade paraguaia, que confessaram a prática de assaltos na região.

A dupla foi presa ontem à tarde no momento em que realizava um assalto em um comércio situado na Avenida Brasil, centro de Ponta Porã, armados com um revolver calibre 32 e uma pistola calibre 22. Eles foram surpreendidos pelo soldado da Policial Militar Cristian David Colman Lima, que se encontrava de passeio em uma motocicleta na área e notou a ação dos marginais.

O saldado da PM ao ver que um dos assaltante saia correndo do local jogou a motocicleta em cima da dupla que ao cair no chão apontou a sua arma em direção ao policial que reagiu e na troca de tiros acabou dominando um dos assaltantes.

Posteriormente saiu em perseguição ao segundo assaltante e com o apoio de PMs que se encontravam realizando ronda pelas imediações da Rua Paraguai conseguiram abortar a fuga e prender o acusado. Ele estava em uma motocicleta estrangeira da marca Kenton, modelo GT 150 Eko, de cor vermelha, sem placa, que foi roubada durante um assalto ocorrido na semana passada.

O acusado foi reconhecida pelo proprietário, que compareceu à Delegacia da Policia Civil, assim como os dois presos como sendo os autores do assalto também a mão armada.

Com os assaltantes os PMs recuperaram dinheiro, relógio e anel que tinha sido roubado minutos antes no comercio de Ponta Porã. A dupla foi encaminhada ao DP da Policia Civil de Ponta Porã, onde foi autuada em flagrante por porte ilegal de arma e assalto a mão armada.

Segundo informações os dois assaltantes são considerados perigosos já que durante os assaltos que realizavam  atuavam com extrema violência contra as vitimas.