Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Quinta, 9 de Dezembro de 2021

Policial

Polícia lista desaparecidos para identificar cadáver achado sem cabeça, pernas e braços

Para realização do exame de DNA para a identificação do corpo é necessário um boletim de ocorrência denunciando o desaparecimento do rapaz.

Midiamax

22 de Agosto de 2013 - 14:09

Após encontrar um corpo sem cabeça, braços e pernas às margens da BR-262 em Campo Grande na tarde dessa terça-feira (20), a Polícia Civil de Capital já tem um rumo para as investigações que podem levar à identificação do corpo.

De acordo com o delgado João Belos Reis, coordenador dos plantões das Depacs (Delegacia de Pronto Atendimento à Comunidade), todos os boletins de ocorrência de desaparecimentos já foram estudados e nenhum se encaixa a descrição do corpo.

No entanto, na tarde desta quarta-feira (21) uma mulher conversou com a polícia reportando o desaparecimento do seu filho de 27 anos. Segundo o delegado a mulher afirmou que o rapaz era usuário de drogas e um dia saiu de casa com a moto para consumir entorpecentes e nunca mais voltou.

Pela descrição das características físicas do rapaz e pela idade, a polícia disse que essa pode ser a identidade do cadáver encontrado. No entanto, somente um exame de DNA pode certificar com certeza a identidade do corpo.

Para realização do exame de DNA para a identificação do corpo é necessário um boletim de ocorrência denunciando o desaparecimento do rapaz. A mãe do jovem foi aconselhada a ir até a 5º delegacia de policia e prestar a queixa.

“É imprescindível a polícia descobrir a identidade do corpo. Foram ‘profissionais’ que fizeram o trabalho para dificultar ao máximo a identificação dele. Por isso mesmo nós temos que descobrir quem é e porque é tão importante que a polícia não sabia quem é ele”, garante o delegado.

O corpo encontrado foi previamente identificado como um homem, entre 25 a 35 anos. O cadáver foi achado na saída para Sidrolândia, próximo ao lixão em Campo Grande.