Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Quarta, 21 de Outubro de 2020

Policial

Polícia mira lavagem de dinheiro do tráfico por facção

Policiais militares do Gaeco cumprem mandados em Mato Grosso do Sul e outras quatro unidades da federação

Dourados News

17 de Setembro de 2020 - 08:06

Operação ocorre em MS e outros quatro Estados - Crédito: Arquivo/Divulgação

Policiais militares do Gaeco (do Grupo de Atuação Especial no Combate ao Crime Organizado) cumprem mandados em Mato Grosso do Sul e outras quatro unidades da federação na manhã desta quinta-feira (17/9).

Denominada Overload II, a operação tem, ao todo, 28 busca e apreensões determinadas pela Justiça do Rio de Janeiro, onde é comandada a ação.

De acordo com o Ministério Público Estadual do Rio, as investigações apontam esquema de lavagem de dinheiro ligado ao Comando Vermelho, uma das maiores facções criminosas existentes no país.

Ainda não há informações detalhadas sobre os locais e quantos mandados são cumpridos em MS.

Entre os denunciados estão os líderes da organização, Elias Pereira da Silva, o “Elias Maluco”, e Márcio Santos Nepomuceno, o “Marcinho VP”, ambos presos na penitenciária federal de Catanduvas (PR).

Além de Mato Grosso do Sul e do Rio de Janeiro, a operação também ocorre em Minas Gerais, Paraná e Santa Catarina.

Desdobramento 

Em 2015, a primeira fase da Overload cumpriu mandados de prisão e busca e apreensão contra 61 pessoas acusadas de associação armada ao tráfico de drogas e armas.

Ainda segundo o MPE/RJ, as investigações apontaram que “Elias Maluco” e "Marcinho VP”, por meio de seus subordinados, utilizavam de contas bancárias de pessoas físicas e jurídicas ligadas ao esquema criminoso para lavar o dinheiro do tráfico de drogas.