Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Quinta, 24 de Junho de 2021

Policial

Preso acusado de aplicar golpes em veterinárias de Sete Quedas

No estabelecimento ele também teria feito cadastro e efetuado compras, porém, segundo a polícia, apresentando endereço e telefone para contato inexistente.

A Gazeta News

04 de Setembro de 2013 - 08:49

Foi preso pela Polícia Militar nessa terça-feira, em Sete Quedas, um homem acusado de aplicar golpes em lojas de produtos veterinários na cidade da fronteira com o Paraguai.

Segundo o delegado titular de Polícia Civil local, Dr. Rinaldo Moreira, que assumiu as investigações do caso, no dia 27 de agosto, Marcelo Ribeiro da Silva, de 32 anos, teria passado em uma loja veterinária da cidade e realizado um cadastro com o objetivo de comprar fiado, pulverizadores e seringas de uso veterinário.

Como a empresa se recusou a vender naquele dia, tendo em vista que o cadastro do “cliente” estava sendo confeccionado naquele momento, o suposto estelionatário seguiu para outra loja da cidade que atua no mesmo ramo. No estabelecimento ele também teria feito cadastro e efetuado compras, porém, segundo a polícia, apresentando endereço e telefone para contato inexistente.

De acordo com o delegado, como Marcelo Ribeiro teria usado o pretexto que tinha cadastro e era cliente da loja visitada anteriormente, o proprietário da loja cujo golpe foi aplicado, que não conseguia mais contato com o suposto cliente, entrou em contato com o outro comerciante e foi informado que o homem não era cliente, apenas havia realizado um cadastro na loja.

A Prisão

De acordo com a Polícia Civil, a prisão de Marcelo aconteceu quando ele retornou, na manhã dessa terça-feira, a primeira loja visitada no dia 27, novamente querendo comprar equipamentos de uso veterinário fiando. Já sabendo do suposto golpe aplicado na outra loja veterinária dias atrás, o comerciante acionou a Polícia Militar que realizou da detenção do suspeito.

Segundo Dr. Rinaldo Moreira, em vistoria no interior do carro que o suposto golpista utilizava, um veículo Gol, os policiais encontraram vários pedidos de compra de pulverizadores e seringas de uso veterinário e também várias cópias coloridas de vale-combustível de um posto com sede em Itaquiraí, cidade do Cone Sul do Estado, em Mato Grosso do Sul.

De acordo com o delegado responsável pelo caso, por conta das evidências da prática do crime, Marcelo Ribeiro da Silva foi autuado em flagrante por estelionato, artigo 171 do Código Penal Brasileiro e está preso na cadeia pública de Sete Quedas à disposição da Justiça.