Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Sábado, 16 de Janeiro de 2021

Policial

Quadrilha que teria ligação com PCC é presa após promover arrastão em cidades do interior

Eles revelaram à polícia que estavam viajando para Paranaíba para conhecer a cidade, porém, confessaram que cometeriam assaltos.

Correio do Estado

05 de Dezembro de 2012 - 16:21

A Polícia Rodoviária Estadual prendeu ontem (04) integrante de uma quadrilha de assaltantes próximo à Base Operacional de Paranaíba. Os autores estavam em um GM/Corsa com placas de Campo Grande.

Após checagem da documentação do motorista, a polícia constatou que ele não era habilitado e que usou nome falso. De acordo com os policiais, ele faz parte de uma quadrilha de assaltantes, inclusive do PCC (Primeiro Comando da Capital) e, possivelmente, tentariam matar policiais da cidade.

Os dois homens e as duas mulheres haviam praticado assaltos em joalherias, lotéricas e supermercados de Anastácio, Bonito e Bodoquena. De acordo com a polícia, dois deles estavam foragidos do presídio da Capital.

Eles revelaram à polícia que estavam viajando para Paranaíba para conhecer a cidade, porém, confessaram que cometeriam assaltos.

No forro das portas do carro foram encontradas cinco armas de fogo, entre elas, uma pistola israelense calibre 9mm com dois carregadores, duas pistolas calibre .40 com dois carregadores cada, inclusive uma pertencente à Polícia Civil do Estado. Também foi apreendida uma pistola calibre 380 com um carregador e um revólver calibre 38, da marca Rossi.

A quadrilha foi escoltada para Campo Grande e autuada em flagrante pela Delegacia Especializada de Repressão aos Crimes de Roubos e Furtos (Derf).