Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Domingo, 9 de Maio de 2021

Policial

Vítima de disparo na cabeça que agonizou por 4 horas tem 15 anos

De acordo com socorristas do Corpo de Bombeiros, equipe foi acionada no endereço por volta das 6h.

Correio do Estado

03 de Janeiro de 2017 - 16:13

A vítima de disparo de arma de fogo que também tinha sinais de pancadas na cabeça foi identificada pela mãe, ontem, na Santa Casa de Campo Grande. Trata-se de adolescente, de 15 anos, que por ser menor de idade teve o nome preservado. Ele foi encontrado ferido na manhã de ontem, no cruzamento entre as ruas José Ribeiro de Carvalho e Dona Júlia Serra, na Vila Nasser.

De acordo com socorristas do Corpo de Bombeiros, equipe foi acionada no endereço por volta das 6h. Moradores da região disseram que ouviram barulho por volta das 2h, mas que saíram apenas às 6h, quando se depararam com o garoto ferido, caída no meio da rua com o rosto ensanguentado.

O adolescente não estava com documentos de identificação e equipe que fez o socorro chegou a citar que ele aparentava ter 22 anos. No entanto, posteriormente foi identificado pela mãe e tem 15 anos. Ele levou pancadas e tiro na cabeça, segundo a Santa Casa.

O estado de saúde ainda inspira cuidados e na manhã desta terça-feira, o paciente ocupava leito da ala amarela, em observação. Não há informação se há previsão para cirurgia. Inquérito policial foi aberto para investigar a tentativa de homicídio.