Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Quarta, 6 de Julho de 2022

Sidrolândia

Após 16 meses de vacinação em Sidrolândia, mais de 16 mil pessoas ainda não tomaram nenhuma dose

Após quase 5 meses de oferta do imunizante, só 36,41% tomaram a primeira dose e apenas 9.98% a 2ª.

Redação/Região News

22 de Maio de 2022 - 17:35

Após 16 meses de vacinação em Sidrolândia, mais de 16 mil pessoas ainda não tomaram nenhuma dose
Foto: Divulgação

Transcorridos 16 meses do início da vacinação contra Covid-19, que começou pelos idosos, indígenas e trabalhadores da saúde, em Sidrolândia, 16.025 pessoas não tomaram nenhuma dose do imunizante. Este contingente corresponde a 29% da população a partir de 5 anos de idade (55.077 habitantes) que desde janeiro tem a vacina à disposição.

Conforme o vacinômetro da Secretaria Estadual de Saúde, em relação a população total (60.792 habitantes), 64,24% tomou uma dose e 54,35%, duas. Com a redução do número de casos, a procura também desacelerou e em alguns grupos específicos, como idosos, crianças e adolescentes, muita gente não terminou o ciclo vacinal. No caso da população idosa, a mais vulnerável à letalidade do vírus, de um contingente de 6.779 habitantes, 1.227 (18,10%) não tomou nenhuma das 4 doses.

Tomaram a 1ª dose, 5.552 idosos (81,90%); 5.231 a 2ª (77,16%); 4.367 a terceira (66,91%) e só 2.451 idosos a 4ª dose (36,15%). No caso das crianças, de 5 a 11 anos que assim como os demais estudantes, ficaram dois anos sem aulas presenciais por causa do risco de contaminação com as aglomerações em sala de aula, a vacinação praticamente estagnou. Após quase 5 meses de oferta do imunizante, só 36,41% tomaram a primeira dose e apenas 9.98% a 2ª. Do público de 6.834 crianças, 2.488 tomaram uma dose e 682 as duas. A cobertura vacinal entre adolescentes e jovens chega a 58,78%. De uma população de 5.277 habitantes, 4.094 tomaram a 1ª dose (77%) e 3.114 a segunda.