Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Quarta, 22 de Setembro de 2021

Sidrolândia

Ademar Espindola lança música e faz sorteio de prêmios a quem compartilhar single

Cantor Ademar Espindola lança no próximo sábado (7), o clipe da música ‘Tudo Novo de Novo’, composta por Jean Dias.

Crislaine Jara/Região News

31 de Julho de 2021 - 09:50

Ademar Espindola lança música e faz sorteio de prêmios a quem compartilhar single
Cantor Ademar Espindola lança no próximo sábado (7), o clipe da música ‘Tudo Novo de Novo’. Foto: Divulgação

Nascido em Ponta Porã, o cantor Ademar Espindola lança no próximo sábado (7), o clipe da música ‘Tudo Novo de Novo’, composta por Jean Dias. Aos 35 anos, o artista marca uma nova fase na carreira com o single.

O lançamento acontece em todas as plataformas digitais e no canal do YouTube do cantor. Em clima de romance, a faixa traz o ritmo do sertanejo, em um estilo de composição moderna, em uma atmosfera perfeita para os apaixonados.

Após o lançamento do clipe, no canal oficial do cantor no YouTube (clique aqui), Ademar fará o sorteio de um violão patrocinado pela Comercial Hernandes, personalizado com a Bandeira de Sidrolândia e a logo do cantor, além de 6 meses de pizza da Império Pizzaria. O ganhador poderá consumir a iguaria uma vez por semana.

Para participar do sorteio é preciso seguir Ademar nas redes sociais, compartilhar o vídeo do canal do Youtube e marcar o cantor. No dia 20 de agosto, será realizado o sorteio, através de uma das redes sociais.

O artista

Ademar Espindola lança música e faz sorteio de prêmios a quem compartilhar single

Cantor, violonista, apesar de nascido em Ponta Porã, Ademar foi criado nas terras sidrolandenses. Chegou à cidade ainda nos meados de 1986, filho de uma dona de casa e um pedreiro. Caçula de 5 irmãos, aos 4 anos acompanhava as aulas de violão do Vanderlei Cuevas ao irmão Chiquinho, posteriormente seu professor.

Aos 6 anos, participou do Fesinter, (festival de música que acontecia na cidade), onde ganhou um teclado de premiação. Aos 12, já cantava em bares, lanchonetes e bailes. Na época formava a dupla Jean e Alesi, parceria com o irmão Chiquinho.

Tempo depois, integrou o grupo Pegada Baileira. Participou de duplas regionais, além de fazer produções e gravações de CDs. Em 2013 veio o convite para fazer parte do Grupo Pantaneiro, um dos maiores do Estado, onde permaneceu por 5 anos.

No grupo, fez parte da gravação de 2 CDs, um DVD e se apresentou no Programa do Ratinho em 2016. Em 2018, encerrou sua participação no grupo e passou a trabalhar em um projeto com o acordeonista Elizeu Vargas (Capim). Já em 2019, fez dupla com Marcelo França, tocando em bares e eventos em Sidrolândia. Pouco depois, trabalhou no Grupo Trembão.

Com a pandemia em 2020, Ademar diz que “ficou perdido”. Como vive da profissão, precisou se reinventar durante a crise. “Quando veio a pandemia e parou tudo, eu após 13 anos vivendo somente de música me vi apertado. Foram liberando os bares com restrições, porém era a forma de voltar a ativa. Foi aí que resolvi encarar meu projeto solo de verdade”, afirma.

Com o novo projeto, pretende encarar a nova fase como um recomeço. “Hoje como um novo recomeço recebo essa letra do meu amigo e um cara que sou fã Jean Dias, acho que cabe bem nessa fase da minha carreira”.