Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Sábado, 28 de Maio de 2022

Sidrolândia

Com entrega de 520 botijões no domingo, Petrobras inicia por Sidrolândia ação social

A entrega começa às 10 horas no CRAS São Bento, num ato com a participação da ministra da Agricultura, Tereza Cristina e da prefeita Vanda Camilo.

Redação/Região News

20 de Janeiro de 2022 - 07:15

Com entrega de 520 botijões no domingo, Petrobras inicia por Sidrolândia ação social
Ministra da Agricultura, Tereza Cristina e da prefeita Vanda Camilo. Foto: Assessoria de Imprensa

No próximo domingo (23), 520 famílias em situação de vulnerabilidade social, residentes no Bairro São Bento em Sidrolândia, vão trocar um botijão vazio por um cheio de 13 kg de gás de cozinha. A entrega começa às 10 horas no CRAS São Bento, num ato com a participação da ministra da Agricultura, Tereza Cristina e da prefeita Vanda Camilo.

A entrega será o lançamento simbólico da ação social da Petrobras, em parceria com a Fundação Banco do Brasil que prevê a distribuição de 300 mil botijões em todo o País para famílias de baixa renda, as mais afetadas pela pandemia. O investimento da estatal foi de R$ 300 milhões.

A partir de segunda-feira (24) haverá a entrega simultânea de gás no CRAS Jandaia (229 famílias) e CRAS Cascatinha (308 famílias), totalizando 1.057 beneficiários na zona urbana e mais 582 da zona rural, onde haverá cinco pontos de distribuição.

Em Mato Grosso do Sul foram adquiridos 3.896 botijões, 1.639 para famílias de Sidrolândia e os demais atenderão moradores de Terenos, Campo Grande, Rio Brilhante e Maracaju.

Em Mato Grosso do Sul o projeto da Petrobras, além da Fundação Banco do Brasil, tem a parceria com Cooperativa Mista da Pecuária de Corte e de Leite da Agricultura Familiar (Cooplaf), sediada no Assentamento Santa Mônica, em Terenos. Todas as 3.896 famílias já foram contempladas com cestas básicas.

A Secretaria Municipal de Assistência Social está organizando a logística que prevê pontos de distribuição na área urbana, aldeias e assentamentos. Os botijões foram adquiridos no comércio de Sidrolândia ao preço de R$ 95,00, o que representou a injeção de R$ 155,705,00 na economia da cidade.

Entre os beneficiados, dona Geraldina Aparecida de Souza, 62 anos, que há quatro anos trava luta contra o câncer de colo de útero. Além do botijão, em Sidrolândia as 1.639 famílias já receberam uma cesta básica com 5kg de arroz; 1kg de feijão; um pacote de sabão em barra; um detergente de 500 ml; um pacote com iogurte de 900ml; um pacote de farinha de mandioca; laranja; mandioca; alface; banana; abóbora; quiabo; berinjela; pimentão; jiló e pepino. Só o arroz e os produtos de limpeza não foram adquiridos da agricultura familiar.