Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Quinta, 24 de Setembro de 2020

Sidrolândia

Depois de repercussão de matéria do RN, proprietário limpa terrenos no São Bento

O local havia se transformado em criadouro de animais peçonhentos e os moradores da região temiam a proliferação de doenças.

Gildo Tavares/Região News

04 de Fevereiro de 2020 - 08:17

Depois de repercussão de matéria do RN, proprietário limpa terrenos no São Bento

Depois da repercussão de matéria publicada pelo RN, o proprietário do terreno baldio que fica na Rua Oscar Pereira de Brito, no Bairro São Bento, limpou o imóvel. O local havia se transformado em criadouro de animais peçonhentos e os moradores da região temiam a proliferação de doenças por causa de pernilongos e de caramujos que se alojavam no local.

A autônoma Laurineide Cabral de Novaes, 35 anos, que mora na casa ao lado do terreno, agradeceu ao Região News por divulgar o problema, que logo em seguida foi solucionado. Ela estava muito preocupada com proliferação de doenças como dengue, zika e chikungunya.

"Agradeço pela ajuda que o RN nos deu. Agora resolvemos o problema que vinha incomodando todos nós aqui da Rua Oscar Pereira de Brito, há muito tempo. O terreno agora está limpo. Fiquei muito feliz porque agora houve uma providência", falou.

Logo depois de ser publicada, a matéria se tornou assunto nas redes sociais, onde moradores de outros bairros também denunciaram terrenos nas mesmas condições. Uma leitora denunciou um imóvel próximo à Escola Sidrônio. "Em frente da Escola Estadual Sidrônio Antunes de Andrade o mato já cobriu a calçada. Isso porque é perto da UPA". "Vixi, ao lado da minha casa o mato está passando o meu muro de tão alto. Pernilongo tá demais", reclamou outra leitora.

Nas postagens leitores cobraram atitude da administração municipal, com a implementação de leis mais duras para quem não limpa seus terrenos. "Põe essa lei pra funcionar, em frente da minha casa tem um terreno que está um mato só, no Jardim Paraíso", reclamou.

Dengue

Em boletim epidemiológico divulgado na semana passada pela Secretaria de Estado de Saúde em Sidrolândia tem 31 casos notificados de dengue e um confirmado.