Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Quinta, 1 de Outubro de 2020

Sidrolândia

Diretora de Saúde que viajou para a Europa é o primeiro caso de coronavírus em Sidrolândia

Tatiane não apresenta sintomas da doença, mas se mantém em quarentena domiciliar, não manteve contatos com familiares.

Flávio Paes/Região News

19 de Março de 2020 - 16:51

Diretora de Saúde que viajou para a Europa é o primeiro caso de coronavírus em Sidrolândia

Deu positivo para o coronavírus o exame da diretora da secretária municipal de Saúde, Tatiane Nantes, que voltou a Sidrolândia no último 17 depois de uma viagem de 13 dias de férias à Europa, especialmente na França, um dos epicentros da pandemia no velho continente.

Ela não apresenta sintomas da doença, mas se mantém em quarentena domiciliar, não manteve contatos com familiares, inclusive seu filho, seguindo o protocolo do Ministério da Saúde.

Deu negativo o exame da companheira de viagem de Tatiane, a ex-secretária Elaine de Brito, que na terça-feira chegou a ser levada de ambulância para o Hospital Elmiria Silvério Barbosa, porque estava com febre.

O resultado do exame, Tatiane, se continuar não tendo sintomas, continuará em quarentena domiciliar até o dia 2 de abril, quando se completarão os 14 dias desde do seu retorno a Sidrolândia, vindo de carro de Campo Grande.

O boletim epidemiológico de hoje da Secretaria Estadual de Saúde, com o caso de Tatiane, chega a 9 casos de coronavírus confirmados em Mato Grosso do Sul. Outro caso confirmado hoje foi de um homem de 42 anos residente em Campo Grande. Na terça-feira ele sentiu os sintomas. Até agora são 171 casos notificados em 15 municípios.

Em Sidrolândia, além do caso de Tatiane Nantes, há seis pacientes sob monitoramento porque estiveram na Europa ou estiveram em contato com pessoas com sintomas de coronavírus.