Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Sábado, 26 de Setembro de 2020

Sidrolândia

Educação abre inscrição nesta segunda-feira para processo seletivo de professores

Não haverá prova objetiva, só de títulos, em que vai contar a graduação, formação complementar tempo de serviço no magistério

Flávio Paes/Região News

15 de Dezembro de 2019 - 19:39

Educação abre inscrição nesta segunda-feira para processo seletivo de professores

Serão abertas nesta segunda-feira (16) as inscrições para o processo seletivo destinado ao recrutamento de professores que atuarão como contratados na rede municipal de ensino. Os interessados terão até sexta-feira para comparecer na sede da Secretaria de Educação (na Rua Prefeito Jaime Ferreira Barbosa, 33) das 7 às 11 e das 13 às 17 horas, para se inscrever e levar a documentação exigida.

Não haverá prova objetiva, só de títulos, em que vai contar a graduação, formação complementar tempo de serviço no magistério. Os aprovados no concurso realizado em 2018, independente de classificação, terão uma bonificação de 10 pontos.

Pressionada pela decisão da Justiça que considerou nulo o último processo seletivo, mas manteve os contratos em vigor, a Secretaria Municipal de Educação tornou o processo mais transparente, não instituiu uma prova objetiva (como prevê o Estatuto do Magistério), mas instituiu uma prova de títulos, com pontuação (limitada a 10 pontos) para o tempo de serviço  e garantia de 10 pontos para os aprovados no curso realizado em 2018.

O edital, publicado na edição da última segunda-feira (9) do Diário Oficial, não especifica o número de vagas. O salário é o mesmo pago neste ano aos contratados, R$ 1.729,31 (independente da titulação), abaixo da remuneração inicial do professor concurso, em torno de R$ 2.294.17, uma diferença de 24,62%.

A seleção leva em conta a avaliação curricular com critérios que podem garantir até 27 pontos ao candidato. Quem tiver uma graduação extra  garantie 2 pontos. Participação em cursos de capacitação nos últmios cinco anos, pode garantir mais  5 pontos. A experiência em sala de aula  mais 10 pontos (2 pontos por ano trabalhado). Já os aprovados no concurso realizado em 2018, independente de classificação, terá 10 pontos.  Em caso de empate, será escolhido que já tiver trabahado na rede municipal de ensino. Outro detalhe, os contratos terão validade de um ano, não de seis meses, como eram até aqui.