Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Quarta, 23 de Setembro de 2020

Sidrolândia

Enfermeira, residente em Sidrolândia, não está com coronavirus, mostra exame

A enfermeira de 62 anos, funcionária da Secretaria Municipal de Saúde que estava em quarentena domiciliar, não está com coronavírus.

Flávio Paes/Região News

13 de Abril de 2020 - 10:03

Enfermeira, residente em Sidrolândia, não está com coronavirus, mostra exame

Deu negativo para o Covid-19 o exame da enfermaria, que no boletim epidemiológico de domingo da Secretaria Estadual de Saúde, aparecia como um dos 63 casos em investigação em todo o Estado. Seu quadro clínico era de febre, tosse e dor de garganta, sintoma gripal não do coronavírus. O resultado traz alívio para as autoridades de saúde, já que uma eventual confirmação revelaria um caso de transmissão comunitária, porque a enfermeira não viajou para as regiões onde a pandemia se alastrou e nem teve contato com pessoas infectadas.

Portanto, o único caso confirmado até aqui é o da enfermeira Tatiane Nantes (que teve sintomas leves, passou por quarentena e voltou ao trabalho). Ela contraiu a doença durante viagem à França.

Terceira vítima

O Mato Grosso do Sul registrou a terceira morte pelo Covit-19. A paciente, uma mulher de 71 anos, faleceu ontem no Hospital Regional, para onde foi encaminhada pelo Centro Regional de Saúde do Bairro Tiradentes. A mulher era cardiopata e tinha diabetes, o que pode ter contribuído com a grave evolução do quadro.

- As três mortes por coronavírus em Mato Grosso do Sul são de mulheres, com idades entre 64 e 71 anos. Em 31 de março foi registrado o primeiro óbito por coronavírus em Mato Grosso do Sul, uma mulher de 64 anos, residente do município de Batayporã, que estava internada em um hospital particular em Dourados. A segunda vítima também era de Batayporã, de 66 anos e faleceu no dia 06 de abril.