Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Quinta, 2 de Dezembro de 2021

Sidrolândia

Estragos provocados pelo temporal forçam suspensão das aulas na 2ª-feira nas escolas municipais

Segundo a secretária Maristela Stefanello, não haverá prejuízo para os alunos já que as aulas serão repostas.

Redação

16 de Outubro de 2021 - 19:33

Estragos provocados pelo temporal forçam suspensão das aulas na 2ª-feira nas escolas municipais
Vendaval destrói cobertura de escola. Foto: Internauta/RN

Após vistoria feita pela equipe técnica, nas escolas, a Secretaria Municipal de Educação de Sidrolândia, decidiu suspender as aulas na segunda-feira para os alunos do 1º ao 9º ano do Ensino Fundamental. Na segunda-feira estava prevista a volta das aulas 100% presenciais. Segundo a secretária Maristela Stefanello, não haverá prejuízo para os alunos já que as aulas serão repostas. Já os Centros Municipais de Educação Infantil, funcionarão normalmente . Haverá aula na Escola João Batista Figueiredo,na Aldeia Tereré.

Nem todas as escolas tiveram estragos na estrutura dos seus prédios por causa da tempestade de sexta-feira quando o vendaval, acompanhado de uma nuvem de poeira atingiu 100 km/h. Entre as unidades da área urbana, os prédios da Porfiria Lopes do Nascimento e da Valério Carlos da Costa, não precisam de nenhum reparo. Optou-se por também suspender as aulas nestes estabelecimentos  porque seria inviável oferecer transporte apenas para os alunos das duas escolas que moram na zona rural , porque não haverá aula para a quem estuda nas demais escolas da zona urbana. Há também a questão de alguns professores que completam a carga horária em mais de uma escola.

Na zona rural a suspensão das aulas foi determinada porque alguns assentamentos estão sem energia há dois dias. Com o vendaval, árvores caíram sobre a rede de energia elétrica, o que provocou a interrupção no fornecimento. Esta situação ocorreu no Barra Nova, afetando a Escola Municipal Ariano Suassuna e no Capão Bonito 2, com impacto sobre a Escola Monteiro Lobato. Uma equipe da Educação vai neste domingo às condições dos asssentamentos Geraldo Garcia e Valinhos.

Estragos

O levantamento nas escolas urbanas identificou, por exemplo, na Escola Olinda  Brito de Souza, danos na rede elétrica, distribuição de água, parte do muro desabou sob o peso de uma árvore que não resistiu à força do vendaval. Na Escola Natála Moraes de Oliveira,teve danos na rede elétrica, no forro e a vidraça de algumas janelas quebrou.Na Escola Pedro Aleixo será necessário substituir algumas telhas. Na Escola Domingos Alves Nantes , distrito do Quebra Coco, o vento arrancou algumas telhas.

A Secretaria Municipal de Educação estará de plantão até às 18h e a  disposição  da Comunidade Escolar e população em geral no telefone (67) 98403-5672

Escolas onde não haverá aula na 2ª-feira

Escola Municipal Pedro Aleixo

Escola Municipal Olinda Brito de Souza

Escola Municipal Valério Carlos da Costa

Escola Municipal Natália Moraes de Oliveira

Escola Municipal Porfíria Lopes do Nascimento

Escola Municipal Domingos Alves Nantes (Distrito do Quebra Coco)

Escola Municipal Ariano Suassuna

Escola Municipal Monteiro Lobato

Escola Municipal Leonida La Rosa Balbuena

Escola Municipal João Batista

Escola Municipal Eldorado

E.M.Darcy Ribeiro