Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Sábado, 27 de Fevereiro de 2021

Sidrolândia

Gringo nega articulação para pressionar prefeita a nomear parentes e correligionários políticos

O vereador Otacir Figueiredo nega que tenha organizado a invasão do Paço Municipal.

Flávio Paes/Região News

25 de Janeiro de 2021 - 11:28

Gringo nega articulação para pressionar prefeita a nomear parentes e correligionários políticos
Otacir Figueiredo, “Gringo”. Foto: Marco Tomé/Região News

O vereador Otacir Figueiredo nega que tenha organizado a invasão do Paço Municipal na manhã desta segunda-feira, promovido por um grupo de índios terena da Aldeia Tereré para pressionar a prefeita Vanda Camilo a nomear 40 nomes, entre parentes e correligionários do seu clã político.

"A comunidade vem me cobrando a recontratação de dois técnicos de enfermagem que até dezembro atuavam no posto de saúde da aldeia. Como não consegui resolver a situação, mesmo tendo ido 4 vezes à Prefeitura para solicitar a recontratação, as lideranças da aldeia resolveram tomar essa atitude para assim, sensibilizar a prefeita", destaca.

Gringo, como é conhecido, garante que não controla a comunidade Indígena, apenas a representa e sempre vai ser solidário com as deliberações da maioria. Ele nega ter conversado por meio do WhatsApp com o ex-vereador David Olindo (sem partido) que o teria orientado a promover a invasão como forma de pressionar a prefeita a nomear 40 dos seus correligionários. O print da suposta conversa tem circulado nos grupos.

WhatsApp

Gringo nega articulação para pressionar prefeita a nomear parentes e correligionários políticos
Suposta conversa entre Gringo e David Olindo circula nos grupos de WhatsApp

"Isto é uma montagem. Nem tenho o ex-vereador na minha lista de contatos", garantiu Gringo por telefone ao RN. Ele lembra que é do mesmo partido da prefeita Vanda Camilo que ao assumir o comando do Executivo Municipal, abriu espaço para ele como 1º suplente.

"Não teria sentido eu trabalhar para comprometer a gestão dela", comentou o vereador. O Região News também tentou contato com ex-vereador e principal crítico da atual gestão, David Olindo. Por telefone, Olindo ficou de retornar o contato porque estaria impedido de falar naquele momento em virtude do trabalho advocatício em outra comarca.