Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Sexta, 30 de Outubro de 2020

Sidrolândia

Hospital desativa UTIS e tenda montada para atender pacientes de COVID-19

Começa a ser desativada a estrutura de atendimento estruturada para atender pacientes com Covid-19 em Sidrolândia.

Flávio Paes/Região News

01 de Outubro de 2020 - 14:22

Tenda que foi montada para os pacientes da covid-19. Foto: Marcos Tomé/Região News

Começa a ser desativada a estrutura de atendimento estruturada para atender pacientes com Covid-19 em Sidrolândia. As 5 UTIs (Unidades de Pronto Atendimento) serão desativados e eventuais novos pacientes graves serão encaminhados para o Hospital Regional em Campo Grande. Também já foi suspenso e o atendimento de quem estiver com o sintoma da doença na tenda instalada em frente do hospital que será desmontada.

Terminou ontem, dia 30 de setembro, a habilitação dos leitos de UTI junto ao Ministério da Saúde, que garantia o repasse para o custeio do atendimento (estimado em R$ 1,6 mil por dia internação do paciente). Sem este recurso, o hospital não teria como bancar a estrutura. Houve uma redução drástica do número de casos, tanto que (nas últimas 24 horas só foram 4 notificações. Só há 5 pacientes internados, nenhum entubado.

Plano estadual

O boletim epidemiológico online, divulgado pela Secretaria Estadual de Saúde nesta quinta-feira, dia primeiro de outubro, trouxe a confirmação de 533 novos casos de coronavírus em Mato Grosso do Sul. Com isso o número total de casos confirmados desde o início da pandemia é de 70.239, com média móvel de 544 casos novos por dia.

O boletim traz ainda o registro de queda na taxa de contágio para 1, ou seja, a cada 100 casos confirmados outros 100 serão contagiados. Segundo o Secretário Estadual de Saúde, Geraldo Rezende, a meta é manter ou reduzir ainda mais essa taxa.

Entre os municípios com maior número de novas confirmações, Campo Grande aparece com 201, Dourados com 71, Chapadão do Sul com 30 e Três Lagoas com 26 novos casos. Dos 70.239 casos confirmados, 63.802 estão sem sintomas e já estão recuperados, 5.126 estão ativos, e destes 467 estão internados.

Quantos aos percentuais de ocupação, na macrorregião de Campo Grande 76% dos leitos já estão ocupados, de Dourados 65%, macrorregião de Três Lagoas 41% dos leitos ocupados e macrorregião de Corumbá com 70% de ocupação.

Foram registrados ainda 08 novos óbitos, passando para 1.311 mortes pela doença em Mato Grosso do Sul, mantendo a taxa de letalidade em 1,9% e uma média móvel de 13 pessoas mortas por dia pelo coronavírus. Brasilândia, Inocência, Itaporã, Miranda, Paranaíba, Ponta Porã, São Gabriel do Oeste e Terenos registraram um óbito cada.