Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Quinta, 24 de Setembro de 2020

Sidrolândia

Jovem que teve parte da perna amputada depois de acidente pode receber alta no domingo

Em conversa na manhã desta sexta-feira com o RN, Thiago se mostrou bastante tranquilo.

Gildo Tavares/Região News

07 de Fevereiro de 2020 - 10:28

Jovem que teve parte da perna amputada depois de acidente pode receber alta no domingo

O jovem Thiago Paulino de Souza Lopes, de 28 anos, que se envolveu em um acidente no cruzamento da Avenida Dorvalino dos Santos com a Rua Pernambuco, no centro de Sidrolândia e teve que amputar parte da perna, pode receber alta no próximo domingo da Santa Casa de Campo Grande.

Para que isso aconteça, os exames de sangue que Thiago realiza a cada dois dias devem se manter estáveis, como vem acontecendo até o momento. O próximo exame será realizado neste sábado e se os parâmetros estiverem dentro do recomendado, ele vai para casa no domingo.

Em conversa na manhã desta sexta-feira com o RN, Thiago se mostrou bastante tranquilo em relação ao acidente e suas consequências. "Estou bem, a recuperação está sendo ótima. Estou torcendo para que os exames de amanhã deem tudo certo para poder ir para casa", falou.

Em relação ao acidente, Thiago disse que se lembra de todos os momentos, pois não perdeu a consciência em momento algum. "Me lembro perfeitamente de como aconteceu. Eu vinha pela Avenida Dorvalino dos Santos, não vinha correndo, até porque o semáforo da Rua João Márcio Ferreira Terra havia fechado. O motorista do Fiat Uno, avançou com o carro na preferencial, ele parou, quando eu fui passar, ele arrancou novamente e bateu em mim", relatou Thiago, que enfatizou que não estava em alta velocidade.

A mãe de Thiago, Márcia Paulino, disse que neste momento só pensa na recuperação do filho. "Ele está muito bem. Ele é muito forte emocionalmente e isso até me surpreendeu. Quero me concentrar na recuperação e na readaptação dele, não vou medir esforços para que ele fique bem".

Márcia destacou ainda que a família também deve passar por uma readaptação e que o importante é que Thiago está vivo. "Depois que ele receber alta vamos atrás de fisioterapia e de uma prótese, para que esta readaptação seja tranquila, tanto para o Thiago, quanto para a família", finalizou.

O acidente

O acidente aconteceu por vota das 6h30min do dia 30 de janeiro no cruzamento da Avenida Dorvalino dos Santos com a Rua Pernambuco, no centro de Sidrolândia. Thiago foi encaminhado para a Santa Casa de Campo Grande no mesmo dia e por causa da gravidade dos ferimentos, teve que amputar parte da perna.