Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Quarta, 16 de Junho de 2021

Sidrolândia

Na sexta-feira Bolsonaro entregará título de propriedade a 2 assentados do Eldorado

A solenidade está marcada para a próxima sexta-feira no Assentamento Santa Mônica, em Terenos, mas localizado numa região que faz divisa com Sidrolândia.

Flávio Paes/Região News

12 de Maio de 2021 - 07:26

Na sexta-feira Bolsonaro entregará título de propriedade a 2 assentados do Eldorado
Presidente Jair Bolsonaro  vai entregar títulos de propriedade a 5 assentados em MS. Foto: MATEUS BONOMI/AGIF - AGÊNCIA DE FOTOGRAFIA/ESTADÃO CONTEÚDO

Na próxima sexta-feira às 10h30, o presidente Jair Bolsonaro vai entregar títulos de propriedade a 5 assentados, dois deles são do Eldorado, o maior assentamento de Sidrolândia com mais de 2 mil famílias. A solenidade está marcada para a próxima sexta-feira no Assentamento Santa Mônica, em Terenos, mas localizado numa região que faz divisa com Sidrolândia.

O Assentamento Eldorado, criado em 2006, há 15 anos, se originou de uma fazenda de 27.400 mil hectares comprada pelo Incra do Frigorífico Bertin (que acabou vendido à JBS). Se estende desde às margens da BR-060 até a divisa de Sidrolândia com Nova Alvorada do Sul, a mais de 70 quilômetros do perímetro urbano.

Boa parte das famílias beneficiadas vendeu a posse dos lotes de 10 hectares e os atuais ocupantes não tem acesso à linhas de crédito porque não tem nenhum documento de propriedade. Eles arrendaram as parcelas para fazendeiros vizinhos plantarem soja e milho.

A solenidade de sexta-feira também terá a participação da ministra da Agricultura, Tereza Cristina, dirigentes do Incra, prefeitos da região, como a prefeita de Sidrolândia, Vanda Camilo que comemora o início da titulação.

Há mais de 5 anos a Prefeitura banca o aluguel de um escritório do Incra na cidade, aberto justamente para acelerar o processo de regularização da posse dos lotes, mas o projeto tem patinado em questões burocráticas, falta de recursos até para custear as vistorias das áreas. Alguns assentamentos como o Capão Bonito, São Pedro, têm mais de 30 anos e nenhuma família tem escritura das áreas.

De volta - Esta é a segunda vez que Bolsonaro visita Mato Grosso do Sul no intervalo de nove meses. Em 18 de agosto do ano passado, o presidente veio inaugurar uma estação de radar da FAB (Força Aérea Brasileira) em Corumbá e visitou o 9º Grupo de Artilharia de Campanha, em Nioaque, onde serviu entre 1979 e 1981, quando ainda era tenente do Exército. Também esteve na Fazenda Engenho, em Sidrolândia, propriedade do ex-prefeito Ari Basso um dos seus mais fervorosos apoiadores.