Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Sexta, 25 de Setembro de 2020

Sidrolândia

Prefeito leva ‘xeque-mate’ em 1 minuto de jogo contra campeã municipal de xadrez

A etapa final foi da competição foi realizada no ginásio de esportes, Leonel de Moura Brizola, o “Brizolão”.

Marcos Tomé/Região News

13 de Dezembro de 2019 - 16:52

Prefeito leva ‘xeque-mate’ em 1 minuto de jogo contra campeã municipal de xadrez

Um evento descontraído, alegre e de muita emoção, foi assim o encerramento oficial da temporada 2019 do Campeonato Municipal de Xadrez em Sidrolândia. O evento, realizado no feriado do dia 11 de dezembro, alusivo as comemorações dos 66 anos de emancipação político-administrativo da cidade, reuniu autoridades, pais e professores.

A etapa final da competição foi realizada no ginásio de esportes, Leonel de Moura Brizola, o “Brizolão”. O prefeito Marcelo de Araújo Ascoli (PSL), acompanhado da esposa, a primeira-dama, Ana Lídia Ascoli, passou boa parte da manhã assistindo os jogos entre as equipes que representaram diversas instituições de ensino.

Entre os alunos, a pequena Ana Caroline, de 8 anos de idade, que morava até ano passado no assentamento Jiboia; estudante da Escola Municipal, Leonida La Rosa Balbuena, mostrou porque é considerada uma das melhores atletas desta modalidade. Do outro lado da mesa, o prefeito Marcelo Ascoli, que aprendeu as técnicas do jogo ainda garoto com seu pai e resolveu arriscar. Bastou duas jogadas para que Ana anunciasse o xeque-mate.

Ascoli parabenizou a estudante que teve o primeiro contato com o xadrez com 4 anos de idade. Mais tarde, o chefe do Executivo foi informado que aquela “garotinha” era na verdade, a grande campeã de 2019. “Levei um xeque-mate com 1 minuto de jogo, mas foi para a campeã. Papa torneios”, brincou o prefeito no momento em que fez a entrega da premiação.

Professor Cezar Leon, conta que as crianças que praticam o xadrez desenvolvem habilidades de raciocínio rápido, são mais proativas, além de se ocuparem com uma atividade muito saudável. “Tenho crianças do grupo que tinham serias dificuldades na grade curricular escolar e hoje, são exemplos”, argumenta.

Já a vice-campeã na categoria de Ana, foi Ágata Santos, também de 8 anos de idade, estudante da escola Arancuã. Ao todo, mais de 200 atletas participam de alguma modalidade de xadrez em Sidrolândia.