Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Terça, 22 de Setembro de 2020

Sidrolândia

Prefeito vai pedir tropa do Exército e recomendar que ônibus circulem com menos usuários

O município é cortado por uma rodovia (a BR-060) que serve de corredor para o tráfico de drogas e o contrabando.

Flávio Paes/Região News

20 de Março de 2020 - 09:34

Prefeito vai pedir tropa do Exército e recomendar que ônibus circulem com menos usuários

O prefeito de Sidrolândia, Marcelo Ascoli em comum acordo com o secretário de Saúde, Nélio Paim, vai encaminhar nesta sexta-feira ao comando da 9ª Região Militar, pedido para que seja enviada à cidade um efetivo do Exército para ajudar na preservação da ordem pública, principalmente fazer valer o toque de recolher que será adotado a partir de hoje, entre 8 horas e às 4 horas da madrugada.

O município é cortado por uma rodovia (a BR-060) que serve de corredor para o tráfico de drogas e o contrabando. Tem uma estrutura precária de segurança púbica, com efetivo desfalcado da Polícia Militar, que dispõe de três viaturas para fazer as rondas.

O prefeito manifestou intenção de recomendar a empresa Vacaria, responsável pelo transporte coletivo na cidade (sobretudo dos trabalhadores da JBS) para que reduza o número de usuários por ônibus, como forma de diminuir a aglomeração.

"Estamos pedindo a colaboração de todos os empresários para orientar os consumidores", destaca. Em relação a quem trabalha com a venda de lanches e espetinho, reafirmou que só poderão trabalhar até as 20 horas, porque a partir deste horário não será tolerada a presença de ninguém nas ruas.