Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Terça, 27 de Fevereiro de 2024

Sidrolândia

Prefeitura entrega novo espaço da Clínica de Fisioterapia com meta de aumentar em 60% o atendimento

Segundo a prefeita, Vanda Camilo, houve investimento de R$ 250 mil na contratação de pessoal e adequações do prédio.

Assessoria de Imprensa

13 de Outubro de 2022 - 16:11

Prefeitura entrega novo espaço da Clínica de Fisioterapia com meta de aumentar em 60% o atendimento
Foto: Assessoria de Imprensa

A Prefeitura de Sidrolândia inaugurou nesta quinta-feira, 13 de outubro, Dia do Fisioterapeuta, o novo espaço da Clínica de Fisioterapia aberto em instalações na esquina da Avenida Dorvalino dos Santos com a Aroeira. Desde maio do ano passado a clínica funcionava junto à Clínica da Família, inicialmente com 470 atendimentos mensais, em outubro passou para 650 e agora, neste novo endereço, terá um crescimento de 62%, passando de 800 para 1.200 atendimentos. Segundo a prefeita, Vanda Camilo, houve investimento de R$ 250 mil na contratação de pessoal e adequações do prédio.

Prefeitura entrega novo espaço da Clínica de Fisioterapia com meta de aumentar em 60% o atendimento

Conforme o secretário Municipal de Saúde, Luiz Carlos Pitó, a Clínica de Fisioterapia, que funciona de segunda a sexta-feira das 7h às 11h e das 13h às 17h, conta com 10 fisioterapeutas e um terapeuta ocupacional e um administrativo. No pátio há academia ao ar livre. Em parceria com a APAE foi feito investimento de R$ 120 mil na compra de equipamentos, incluindo quatro mini bike portátil compacta; duas bicicletas ergométricas vertical; 4 aspiradores de secreção, fluidos e sangue; 2 equipamentos de fototerapia; 2 esteiras elétricas; 4 estimuladores neuromuscular transcutâneo; e 4 equipamentos microcontrolado de ultrassom terapêutico, além de tornozeleiras de nylon, halteres emborrachados, bola de disco inflável e bola suíça para pilates.

A prefeita Vanda Camilo fez breve balanço dos avanços obtidos desde 2021 na qualidade do atendimento da fisioterapia na rede pública. O investimento incluiu ampliação do número de profissionais contratados (eram seis agora são 14) e o acesso do tratamento para quem mora longe da área urbana, no distrito de Quebra Coco, nas aldeias e no distrito do Capão Seco, onde o serviço será levado quando estiver concluída a reforma da unidade básica de saúde. “Durante a pandemia, quando ainda era diretora do hospital, fizemos o investimento necessário para os pacientes na fase de recuperação da Covid-19”, lembra a prefeita, que vê na fisioterapia ferramenta fundamental para humanização do atendimento.

Prefeitura entrega novo espaço da Clínica de Fisioterapia com meta de aumentar em 60% o atendimento

Presente ao evento, o agente fiscal da 13ª região do Conselho Regional de Fisioterapia, José Melo, elogiou a iniciativa da Prefeitura de investir em fisioterapia com a compra de equipamento e valorização dos profissionais. “Com a autoridade de quem conhece a estrutura das outras cidades, posso garantir que Sidrolândia é um dos municípios referência nesta área. Tem um quadro de profissionais dos mais competentes entre os 4 mil fisioterapeutas que atuam no Estado”, destaca.

O presidente da Apae, Felipe Feitosa, que também prestigiou a inauguração, elogiou a parceria com a Prefeitura em benefício da população, mas em especial, atende os alunos atendidos pela instituição. “A prefeita tem todo um cuidado que vai além da estrutura física e dos equipamentos. Tem um capricho nos detalhes de acabamento, decoração, é uma marca da Vanda”, destacou.

Alguns pacientes também estiveram na inauguração. Dona Genoveva, 70 anos, há três anos faz tratamento de fisioterapia, além de problemas na coluna, hérnia de disco e joelho. Neste período ela percebeu a evolução do atendimento que se reflete em melhor qualidade de vida. “Com equipamentos novos, o tratamento tem apresentado evolução”, destaca.

Quem também gosta do atendimento que recebe na clínica é dona Sirlei Gonçalves, 59 anos, que também tem problemas de coluna e nervo ciático. “O pessoal é muito atencioso e educado. Desde que iniciei o tratamento as dores diminuíram “, destaca.