Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Terça, 5 de Julho de 2022

Sidrolândia

Sidrolândia registra geada, mas ainda não há impacto sobre safra de milho

As geadas registradas na madrugada de hoje em Sidrolândia, que atingiram a região de Piqui, divisa com Maracaju, ainda não colocaram em risco a produção do milho safrinha.

Redação/Região News

18 de Maio de 2022 - 15:26

Sidrolândia registra geada, mas ainda não há impacto sobre safra de milho
Colheita Milho. Foto: Divulgação

As geadas registradas na madrugada de hoje em Sidrolândia, que atingiram a região de Piqui, divisa com Maracaju, ainda não colocaram em risco a produção do milho safrinha. Um das propriedades onde o fenômeno foi registrada é a do presidente do Sindicato Rural, Paulo Stefanello, que tem uma lavoura de 3.500 hectares. O temor dos produtores é que este cenário persista. O município tem uma área plantada de 167 mil hectares.

"Estamos numa fase importante da safrinha que é o período do desenvolvimento das plantas e enchimento das espigas", explica Stefanello.

Além de Sidrolândia, foram registradas geadas em Bandeirantes e Dourados. De acordo com o meteorologista Natálio Abrahão, em Bandeirantes, a temperatura mínima foi de 5,4°C, com sensação de 1°C. A mesma sensação foi registrada em Dourados, que teve mínima de 5°C.

Sidrolândia registrou 5,4 ⁰C. No ranking estadual, Rio Brilhante foi a cidade mais fria, com 3,8⁰ C. De acordo com o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), o frio deve continuar em Mato Grosso do Sul ao menos até a próxima semana. O Instituto até emitiu alerta de frio intenso para o estado, com risco à saúde, valendo até o fim da noite desta quarta-feira.