Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Quinta, 20 de Janeiro de 2022

Sidrolândia

Vento forte com chegada de frente fria derruba árvore na Dorvalino dos Santos

Uma das quedas foi na Avenida Dorvalino dos Santos, nas proximidades da lotérica.

Redação/Região News

14 de Outubro de 2021 - 07:15

Vento forte com chegada de frente fria derruba árvore na Dorvalino dos Santos
Vento forte derrubou árvore na Avenida Dorvalino dos Santos. Foto: Rafael Brites

A volta da chuva e os ventos que atingiram mais de 30 km/h no inicio da manhã desta quinta-feira (14) derrubaram árvores e destelhou casas em Sidrolândia. Uma das quedas foi na Avenida Dorvalino dos Santos, nas proximidades da lotérica.

A árvore quase centenária bloqueou a pista sentido Campo Grande/Maracaju. Uma equipe da Secretaria de Obras e do Corpo de Bombeiros estiveram no local fazendo a retirada da árvore. No Assentamento Eldorado o vento forte destelhou casas.

Vento forte com chegada de frente fria derruba árvore na Dorvalino dos Santos

Em Sidrolândia a quinta-feira, deve ser marcada por muitas nuvens com pancadas de chuva, por vezes forte e, com trovoadas isoladas. Os ventos continuam variando entre fracos e moderados. A temperatura começa a cair com máxima de 36ºC e mínima de 20ºC.

Nesta sexta-feira (15), dia amanhece encoberto e pode ocorrer chuva isolada no decorrer do dia. Os termômetros variam entre 38ºC e 19ºC. Umidade relativa do ar fica entre 95% e 30%.

Estado

Vento forte com chegada de frente fria derruba árvore na Dorvalino dos Santos
Céu de Sidrolândia nas primeiras horas desta quinta-feira.

A previsão estendida do Centro de Monitoramento do Tempo e do Clima (Cemtec) indica que a chuva ainda vai se fazer presente em Mato Grosso do Sul nos próximos dias, devido ao deslocamento de uma frente fria aliado à passagem de cavados.

A tendência é que até o próximo dia 21 de outubro, a região sul do Estado tenha chuva de moderada a forte intensidade com tempestades que podem vir acompanhadas de raios, rajadas de vento e eventual queda de granizo. São esperados acumulados entre 90mm a 175mm.

Para as regiões central e leste os acumulados são menores, podendo variar entre 30mm a 80 mm, e no restante do Estado, entre 5mm a 20mm. Os acumulados esperados para o restante do mês, de 21 a 29, são menores, entre 5mm a 50mm para grande parte do Estado. Os maiores volumes do período estão previstos para a porção centro-norte do Estado.