Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Terça, 26 de Janeiro de 2021

Sidrolandia

Agências do Mato Grosso do Sul já podem se inscrever para o 28º Prêmio Abril de Publicidade

Para os cases inscritos em Mídia, a novidade é uma única premiação abrangendo todas as plataformas de mídia da Abril na seleção do melhor case.

Assessoria

22 de Fevereiro de 2014 - 08:24

Há quase 30 anos valorizando e reconhecendo a criatividade da publicidade brasileira, o Prêmio  Abril de Publicidade chega à 28ª edição com novidades. Até 28 de fevereiro, as agências do Mato Grosso do Sul poderão inscrever gratuitamente campanhas para concorrer na categoria regional Central. Neste ano, profissionais sul-mato-grossenses em início de carreira e estudantes de publicidade que já estejam no mercado de trabalho também poderão participar da premiação, na categoria Jovens Criativos, que escolherá a melhor campanha elaborada por publicitários de 18 a 28 anos de idade.

“Jovens talentos chegam às agências todos os dias e queremos estimular e reconhecer esse público. O futuro é deles, e o prêmio Jovens Criativos surge para incentivar uma geração de profissionais com espírito inovador”, afirma Sérgio Amaral, diretor de publicidade da Unidade Veja.

As agências da região concorrem em Criação Revista Regional Centro. Além desta, há mais três premiações regionais: Norte-Nordeste, Rio de Janeiro e Sul, que antecedem o Grand Prix de Criação Revista, premiação Nacional. Vale lembrar que as quatro agências vencedoras locais integram o time que vai concorrer a esse Grand Prix. “É uma excelente oportunidade para as agências vencedoras regionais apresentarem seus trabalhos neste grande evento da publicidade brasileira”, diz Jacques Ricardo, diretor de publicidade regional da Abril.

Na categoria Regional Central participam ainda os estados do Distrito Federal, Espírito Santo, Goiás, Mato Grosso, Minas Gerais e São Paulo (exceto capital e cidades da Grande São Paulo).

Além das etapas regionais, a categoria Criação em Revista, que premia as melhores campanhas veiculadas nas revistas, conta ainda com os seguintes prêmios nacionais: o Grand Prix de Criação Revista e o Prêmio Melhor Utilização das Revistas Abril. Já a categoria Criação Digital traz uma única premiação nacional, na qual serão avaliadas campanhas veiculadas nas plataformas site, tablet, mobile e Elemidia.

Além destes, a edição 2014 apresenta ainda o Prêmio Júri Popular, também nacional, que contará com a participação de um grupo de assinantes da Abril elegendo o vencedor entre as dez campanhas mais bem pontuadas pelos jurados do Grand Prix de Criação Revista e as dez do Grand Prix de Criação Digital (Site/Tablet/Mobile/Elemidia).

“O grande diferencial deste prêmio em 2014 é que o público poderá escolher sua campanha preferida independentemente da plataforma em que ela foi trabalhada”, afirma Rogério Gabriel Comprido, diretor de publicidade da Unidade Segmentadas.

Para os cases inscritos em Mídia, a novidade é uma única premiação abrangendo todas as plataformas de mídia da Abril na seleção do melhor case. Os inscritos podem ter veiculado de forma integrada ou isolada suas campanhas.

“A reformulação do prêmio visa a valorizar ainda mais cada uma das categorias, além de apresentá-las de forma mais clara e objetiva”, informa Marcos Gomez, diretor de publicidade da Unidade Exame.

Como participar

Para concorrer, as agências devem cadastrar campanhas veiculadas entre 1º de janeiro e 31 de dezembro de 2013 pelo premioabril.com.br. Também pelo site, os jovens criativos podem realizar sua inscrição. Estes receberão um briefing enviado pela Abril para concepção de uma campanha para uma entidade sem fins lucrativos.

A cerimônia de premiação em São Paulo vai acontecer em 4 de junho, no Auditório do Ibirapuera. As demais premiações regionais serão divulgadas em breve.

Sobre o Prêmio Abril de Publicidade

Estimular, reconhecer e valorizar o mercado brasileiro publicitário são propósitos do Prêmio Abril de Publicidade que, ao longo de 28 anos de existência, consolidou-se como um dos mais relevantes do país.