Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Terça, 26 de Outubro de 2021

Sidrolandia

Câmara de Dourados é alvo de bomba caseira

Dourados Agora

28 de Fevereiro de 2011 - 13:00

Polícia Federal e Ministério Público devem abrir inquérito para investigar suposto atentado ao prédio da Câmara de Dourados. Na noite de sábado, uma bomba de fabricação caseira foi atirada no pátio da Casa, que fica na Avenida Marcelino Pires. O guarda, que não sabia do que se tratava, por precaução, chutou o artefato feito com garrafas pets e isolantes, que explodiu na rua.

Na manhã do dia seguinte, no domingo, uma pedra enorme foi arremessada contra o vidro da sala da Comissão Processante, que investiga os vereadores afastados, acusados de corrupção.

O vereador Idenor Machado disse à imprensa que vê com muitas tristeza o poder Legislativo sendo ameaçado por pessoas que desejam intimidar o trabalho das comissões. "Estamos derrubando potências enormes, que há mais de 30 anos estão no poder, e hoje em Dourados, uma cidade bonita e pacata, vive uma situação desta.

Mas vamos seguir com as processantes (comissões) e a presidente Délia já tomou todas as providências júrídicas de segurança, para tentar descobrir quem são estas pessoas que estão tentando ameaçar o poder legislativo em Dourados", disse Idenor.

A presidente da Casa, Délia Razuk, disse à Grande FM que já tomou precauções para garantir a integridade física de todos os vereadores, especialmente oe membros das Comissões Processantes.