Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Quarta, 19 de Janeiro de 2022

Sidrolandia

Contador especialista em falsificação é preso na Capital

No local, os policiais apreenderam 160 cartões de créditos e de lojas, cédulas de RG, 20 chips e 15 celulares. Além de uma motocicleta e um automóvel.

Campo Grande News

03 de Maio de 2011 - 10:46

O contador Ruberlândio Ferreira Jerce, de 37 anos, foi preso na última sexta-feira (29), em flagrante, pelos crimes de estelionato e falsificação de documentos na Capital.

Policiais chegaram até o contador depois de receberem uma denuncia anônima. Ele mantinha um escritório na rua Dom Aquino, centro da cidade, onde fazia as falsificações e atendia os clientes.

No local, os policiais apreenderam 160 cartões de créditos e de lojas, cédulas de RG, 20 chips e 15 celulares. Além de uma motocicleta e um automóvel.

Uma mulher que trabalhava como secretaria no escritório e dois clientes, que estavam no local no momento do flagrante, foram detidos e encaminhados para o 1º Distrito Policial.

Ruberlândio, que teve o registro profissional cassado em 2003, foi preso em 2006 pelos mesmos crimes e estava cumprindo pena em regime aberto.

Na casa de um cliente, que cumpre pena em regime semi-aberto, foram localizados mais documentos falsos e dois cartões de crédito.

De acordo com a delegada Daniella Kades, os documentos falsos eram utilizados para abertura de contas em bancos com o objetivo da aquisição de empréstimos. “Como era falso os bancos não teriam de quem cobrar o empréstimo”, explicou a delegada.

Vários computadores do escritório foram apreendidos e encaminhados para a perícia. A intenção da polícia é descobrir o nome das pessoas que adquiriram os documentos falsos.Elas poderão ser indiciadas por falsidade ideológica, informou a delegada Daneilla.

Já Ruberlândio será indiciado por falsificação de documento público e particular, estelionato e crime de ordem tributário.