Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Sexta, 23 de Julho de 2021

Sidrolandia

Defesa Civil atualiza dados e prejudicados pela chuva somam 66,4mil

O problema já está sendo resolvido. Nos dados divulgados ontem, eram 43 mil pessoas prejudicadas

Campo Grande News

09 de Março de 2011 - 18:00

Já são 66.498 pessoas prejudicadas diretamente pela chuva em Mato Grosso do Sul. A Defesa Civil atualizou os dados e agora são 14 mil pessoas a mais em relação aos números divulgados nessa terça-feira. Onze municípios foram os mais afetados.

Conforme a Defesa Civil, Paranaíba continua com problemas no abastecimento de água potável devido à inundação na estação de tratamento e 39 mil moradores do município foram afetados.

O problema já está sendo resolvido. Nos dados divulgados ontem, eram 43 mil pessoas prejudicadas. Oitenta pessoas estão alojadas em casas de parentes e/ou amigos e já foi decretada situação de emergência.

Em Anastácio são 10.724 moradores prejudicados diretamente pela chuva. Em Coxim são 7 mil; Anastácio 4.100; em Ribas do Rio Pardo 2.800 e em Rio Verde, mil.

O maior número de desabrigados é em Dois Irmãos do Buriti. São 220 pessoas que estão em abrigos públicos, maioria da região do distrito de Palmeiras.

Em São Gabriel do Oeste a chuva inviabilizou a colheita da soja e em Rio Verde 14 pontes na região do Pantanal estão destruídas.

As áreas mais afetadas em Rio Verde são: Colônia São Luís, Pindaívão, Grotão, Morro das Cruzes, Barreirinho, Colônia Paredes e Ipiranga

Em Bandeirantes e em Sidrolândia o excesso de chuva provocou inundações e erosões bruscas.

Os 11 municípios mais afetados são: Bandeirantes, Sidrolândia, São Gabriel do Oeste, Rio Verde, Dois Irmãos do Buriti, Aquidauana, Anastácio, Paranaíba, Miranda, Coxim e Ribas do Rio Pardo.

Quatro já decretaram situação de emergência e cinco avaliam a medida.